30 coordenadores criam programa eleitoral do PSD

Os social-democratas terão um coordenador para cada uma das 30 áreas definidas como prioritárias. A estratégia ficou ontem acertada em reunião realizada na sede do partido, que marcou o arranque dos trabalhos rumo às Regionais do próximo ano. Esta é a notícia que faz a manchete de hoje do seu Jornal, numa Primeira Página que destaca ainda mais um evento JM. Madeira admite reprogramar investimentos. O governante Rogério Gouveia reconhece que o bloqueio na cadeia de logística, o aumento de preços ou a falta de matérias-primas podem alterar a execução de projetos no âmbito do PRR. Este e outros temas estão hoje em debate nas Jornadas Madeira, que decorrem esta manhã em São Vicente. Os vinhos são também assunto de relevo nesta edição do seu matutino. Luísa Amorim valoriza mercado regional. A responsável pela Quinta Nova, Taboadella e Aldeia de Cima espera que as três marcas vendam em breve um milhão de garrafas por ano. Em entrevista ao JM, no âmbito de um evento realizado na Quinta Magnólia, considerou a Madeira um “mercado importante”. Saiba ainda que família de inglês que morreu na Região em 2021 acusa hospital de negligência e que Programa ‘+Visão’ abrangeu 1.115 seniores e 323 crianças. Quanto ao turismo, inflação e preços da energia criam desafios a partir de janeiro.  

30 coordenadores criam programa eleitoral do PSD
Os social-democratas terão um coordenador para cada uma das 30 áreas definidas como prioritárias. A estratégia ficou ontem acertada em reunião realizada na sede do partido, que marcou o arranque dos trabalhos rumo às Regionais do próximo ano. Esta é a notícia que faz a manchete de hoje do seu Jornal, numa Primeira Página que destaca ainda mais um evento JM. Madeira admite reprogramar investimentos. O governante Rogério Gouveia reconhece que o bloqueio na cadeia de logística, o aumento de preços ou a falta de matérias-primas podem alterar a execução de projetos no âmbito do PRR. Este e outros temas estão hoje em debate nas Jornadas Madeira, que decorrem esta manhã em São Vicente. Os vinhos são também assunto de relevo nesta edição do seu matutino. Luísa Amorim valoriza mercado regional. A responsável pela Quinta Nova, Taboadella e Aldeia de Cima espera que as três marcas vendam em breve um milhão de garrafas por ano. Em entrevista ao JM, no âmbito de um evento realizado na Quinta Magnólia, considerou a Madeira um “mercado importante”. Saiba ainda que família de inglês que morreu na Região em 2021 acusa hospital de negligência e que Programa ‘+Visão’ abrangeu 1.115 seniores e 323 crianças. Quanto ao turismo, inflação e preços da energia criam desafios a partir de janeiro.