Açoriano morto após esfaqueamento num bar em Marselha

Nuno Jacob, de 39 anos, emigrou no ano passado para França e devia ter chegado este sábado a Lagoa, na ilha de São Miguel, Açores, para passar férias e ver a família, de acordo com o Correio da Manhã. No entanto, acabou por nunca chegar à ilha...

Açoriano morto após esfaqueamento num bar em Marselha
Nuno Jacob, de 39 anos, emigrou no ano passado para França e devia ter chegado este sábado a Lagoa, na ilha de São Miguel, Açores, para passar férias e ver a família, de acordo com o Correio da Manhã. No entanto, acabou por nunca chegar à ilha que o viu nascer, uma vez que foi atacado, antes de viajar, num bar de Marselha. Foi esfaqueado e acabou por morrer. O agressor é procurado pela polícia local. Desconhecem-se as razões que levaram a este ataque mortal. Nuno Jacob trabalhava no ramo da construção civil e estava sozinho em França, de acordo com a mesma fonte. No Facebook são várias as mensagens de pesar.