Associação de Futebol da Madeira poderá cancelar provas a ‘exemplo’ da FPF

A federação Portuguesa de Futebol cancelou ontem as provas não-profissionais de futebol, decisão que a Associação de Futebol da Madeira poderá acompanhar relativamente ao futebol sénior.  Este é o tema que faz a manchete do suplemento desportivo do JM. Quanto aos salários, o Marítimo aplica ‘corte’ e Nacional estuda opções. Os clubes madeirenses estudam cenários neste tempo de crise: os verde-rubros já acordaram reduções salariais, sem recurso ao lay-off, enquanto o Nacional está em fase de diálogo com os seus profissionais. Em Itália, a Juventus conta com Cristiano Ronaldo. O clube italiano coloca um ponto final na especulação: o ‘astro’ madeirense continuará ao serviço da ‘Juve’, afastando qualquer possibilidade de venda. Chamada ainda para Ronaldinho: a lenda em decadência. Ronaldinho Gaúcho, lenda do futebol, está em queda livre. Esteve mais de 30 dias na cadeia e agora segue para prisão domiciliária. O mundo assiste ao declínio de um astro. Leia mais sobre estes e outros assuntos, na edição desta quinta-feira do seu JM.  

Associação de Futebol da Madeira poderá cancelar provas a ‘exemplo’ da FPF
A federação Portuguesa de Futebol cancelou ontem as provas não-profissionais de futebol, decisão que a Associação de Futebol da Madeira poderá acompanhar relativamente ao futebol sénior.  Este é o tema que faz a manchete do suplemento desportivo do JM. Quanto aos salários, o Marítimo aplica ‘corte’ e Nacional estuda opções. Os clubes madeirenses estudam cenários neste tempo de crise: os verde-rubros já acordaram reduções salariais, sem recurso ao lay-off, enquanto o Nacional está em fase de diálogo com os seus profissionais. Em Itália, a Juventus conta com Cristiano Ronaldo. O clube italiano coloca um ponto final na especulação: o ‘astro’ madeirense continuará ao serviço da ‘Juve’, afastando qualquer possibilidade de venda. Chamada ainda para Ronaldinho: a lenda em decadência. Ronaldinho Gaúcho, lenda do futebol, está em queda livre. Esteve mais de 30 dias na cadeia e agora segue para prisão domiciliária. O mundo assiste ao declínio de um astro. Leia mais sobre estes e outros assuntos, na edição desta quinta-feira do seu JM.