Autoridades filipinas retiram parcialmente ordem de evacuação em redor de vulcão

As autoridades das Filipinas levantaram hoje, parcialmente, a ordem de evacuação da área em redor do vulcão Taal, cujo risco de erupção tinha levado pelo menos 135 mil pessoas a abandonarem as suas casas. O vulcão entrou em atividade há duas...

Autoridades filipinas retiram parcialmente ordem de evacuação em redor de vulcão
As autoridades das Filipinas levantaram hoje, parcialmente, a ordem de evacuação da área em redor do vulcão Taal, cujo risco de erupção tinha levado pelo menos 135 mil pessoas a abandonarem as suas casas. O vulcão entrou em atividade há duas semanas e pelo menos 135 mil pessoas foram obrigadas a se refugiar em centros de urgências, tendo desde então os sinais de uma nova erupção, como sismos, se atenuado, de acordo com a AFP. Hoje, a agência de sismologia das Filipinas afirmou que a quantidade de cinza expelida pelo vulcão e as emissões de gás estavam em diminuição constante, o que traduz "uma baixa" do risco "de uma erupção perigosa". Em consequência, a agência baixou o nível de alerta, tendo as autoridades locais levantado a ordem de evacuação para quase todas as cidades situadas na proximidade do vulcão, um local turístico. "Os habitantes de todas as cidades, com a exceção de Agoncillo e Laurel, têm agora a possibilidade de entrar em casa", disse o governador local, Hermilando Mandanas, numa conferência de imprensa, citada pela AFP. No entanto, o risco de erupção do vulcão permanece e o governador sublinhou que a população deve estar pronta a deixar as suas casas "numa hora", caso seja necessário. O vulcão Taal, que se situa a 100 quilómetros a noroeste da capital filipina, Manila, é um dos vulcões mais ativos do país.