Comissões Especializadas Permanentes da ALRAM mantêm atividade parlamentar não presencial

Realiza-se no próximo dia 27 de março uma reunião da 7.ª Comissão Especializada Permanente de Administração Pública, Trabalho e Emprego da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira.  Ainda que a suspensão da atividade parlamentar presencial no período em que esteja em vigor o estado de emergência nacional, e na sequência da informação do presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, que permite, nas circunstâncias atuais, aos presidentes das Comissões Especializadas Permanentes, a reunião "à distância com recurso à ferramenta tecnológica que considerarem mais adequada", foi determinado pelo presidente desta Comissão, Brício Araújo, por forma a "assegurar a continuidade dos trabalhos parlamentares" e "cumprindo sempre todas as imposições relacionadas com a necessidade de evitar a propagação do COVID-19", que a deliberação dos pontos da Ordem de Trabalhos infra tenha lugar por via eletrónica, ou seja, por correio eletrónico dirigido a [email protected] Nesse sentido, de acordo com uma nota enviada pelo deputado do PSD, os deputados que integram a 7.ª Comissão Especializada Permanente de Administração Pública, Trabalho e Emprego da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira devem pronunciar-se sobre cada uns daqueles pontos pendentes até às 12:00 horas do dia 27 de março de 2020.

Comissões Especializadas Permanentes da ALRAM mantêm atividade parlamentar não presencial
Realiza-se no próximo dia 27 de março uma reunião da 7.ª Comissão Especializada Permanente de Administração Pública, Trabalho e Emprego da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira.  Ainda que a suspensão da atividade parlamentar presencial no período em que esteja em vigor o estado de emergência nacional, e na sequência da informação do presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, que permite, nas circunstâncias atuais, aos presidentes das Comissões Especializadas Permanentes, a reunião "à distância com recurso à ferramenta tecnológica que considerarem mais adequada", foi determinado pelo presidente desta Comissão, Brício Araújo, por forma a "assegurar a continuidade dos trabalhos parlamentares" e "cumprindo sempre todas as imposições relacionadas com a necessidade de evitar a propagação do COVID-19", que a deliberação dos pontos da Ordem de Trabalhos infra tenha lugar por via eletrónica, ou seja, por correio eletrónico dirigido a [email protected] Nesse sentido, de acordo com uma nota enviada pelo deputado do PSD, os deputados que integram a 7.ª Comissão Especializada Permanente de Administração Pública, Trabalho e Emprego da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira devem pronunciar-se sobre cada uns daqueles pontos pendentes até às 12:00 horas do dia 27 de março de 2020.