Conheça as regras para viajar para a Madeira e Porto Santo

"Ao programar a sua viagem para a Madeira e Porto Santo, é importante conhecer as normas em vigor nesta Região, no âmbito da prevenção e contenção da covid-19", aconselha o Governo Regional, através da Secretaria Regional de Saúde e Proteção Civil. Assim, é recordado que é obrigatório o preenchimento do inquérito epidemiológico. Para sua comodidade, poderá fazê-lo em www.madeirasafe.com nas 12 a 48 horas prévias ao embarque. A partir de amanhã, dia 1 de julho, todos os passageiros provenientes do exterior, que sejam portadores de teste negativo para a doença covid-19, efetuado nas 72 horas prévias ao embarque, em laboratórios certificados pelas autoridades nacionais ou internacionais, ao desembarcar na Madeira ou no Porto Santo, seguem para o seu destino. Mas têm que apresentar o respetivo relatório que pode, também, ser submetido, antecipadamente, em conjunto com o registo do viajante. Já os passageiros que não tenham realizado o teste, fá-lo-ão no respetivo aeroporto, à chegada. Após a realização do teste, o passageiro seguirá para o seu destino e será informado do resultado num período estimado de 12 horas. Como medidas complementares de prevenção da doença, na Madeira e no Porto Santo, são recomendados: uso de máscara, em especial, em espaços fechados e transportes públicos (obrigatório), distanciamento social (dois metros entre as pessoas e evitar aglomerados), higienização frequente das mãos e etiqueta respiratória.

Conheça as regras para viajar para a Madeira e Porto Santo
"Ao programar a sua viagem para a Madeira e Porto Santo, é importante conhecer as normas em vigor nesta Região, no âmbito da prevenção e contenção da covid-19", aconselha o Governo Regional, através da Secretaria Regional de Saúde e Proteção Civil. Assim, é recordado que é obrigatório o preenchimento do inquérito epidemiológico. Para sua comodidade, poderá fazê-lo em www.madeirasafe.com nas 12 a 48 horas prévias ao embarque. A partir de amanhã, dia 1 de julho, todos os passageiros provenientes do exterior, que sejam portadores de teste negativo para a doença covid-19, efetuado nas 72 horas prévias ao embarque, em laboratórios certificados pelas autoridades nacionais ou internacionais, ao desembarcar na Madeira ou no Porto Santo, seguem para o seu destino. Mas têm que apresentar o respetivo relatório que pode, também, ser submetido, antecipadamente, em conjunto com o registo do viajante. Já os passageiros que não tenham realizado o teste, fá-lo-ão no respetivo aeroporto, à chegada. Após a realização do teste, o passageiro seguirá para o seu destino e será informado do resultado num período estimado de 12 horas. Como medidas complementares de prevenção da doença, na Madeira e no Porto Santo, são recomendados: uso de máscara, em especial, em espaços fechados e transportes públicos (obrigatório), distanciamento social (dois metros entre as pessoas e evitar aglomerados), higienização frequente das mãos e etiqueta respiratória.