Construção de habitação social, apoio às rendas e recuperação de casas degradadas são compromissos de Paulo Cafôfo

O candidato do Partido Socialista-Madeira a presidente do Governo Regional esteve, hoje, em Câmara de Lobos, mais precisamente no "Bairro da Argentina", ocasião em que apontou a Habitação como uma das prioridades do PS e assumiu o compromisso...

Construção de habitação social, apoio às rendas e recuperação de casas degradadas são compromissos de Paulo Cafôfo
O candidato do Partido Socialista-Madeira a presidente do Governo Regional esteve, hoje, em Câmara de Lobos, mais precisamente no "Bairro da Argentina", ocasião em que apontou a Habitação como uma das prioridades do PS e assumiu o compromisso de resolver os problemas graves a este nível na Região até 2026, ano em que se comemoram os 50 anos da Autonomia. Paulo Cafôfo deu conta da necessidade de concretizar o direito às pessoas de «terem uma habitação que seja digna e condigna». Para tal, apontou alguns objetivos, um dos quais a construção de nova habitação social dispersa pelos diferentes concelhos, algo que é também uma forma de inverter o processo de desertificação e despovoamento dos concelhos mais rurais. Neste campo, defendeu uma habitação que tenha em conta a qualidade e a excelência. «Eu não posso admitir que se construa habitação social de menor qualidade para pessoas que têm rendimentos mais baixos», disse, apontando outro pressuposto que é a «não criação de guetos» e vincando que o intuito é a criação de habitação social em que a parte do relacionamento da comunidade, intergeracional e familiar, seja saudável e com qualidade de vida para as pessoas. Outro objetivo passa por programas de apoio às rendas. «O mercado de arrendamento tem neste momento preços muito elevados e as famílias não têm rendimentos que possam suportar esses valores. Portanto, um subsídio à renda faz também parte da nossa estratégia para a habitação», referiu o candidato socialista. Outra componente é a recuperação de habitações degradadas, porque há pessoas que vivem ainda na nossa Região em casas que estão em ruína, algumas vivem ainda em barracas e «é preciso dar-lhes dignidade». «Nós queremos que as pessoas possam vencer na vida» e isso consiste em «terem algo que é imprescindível, que é a habitação, a oportunidade de terem um emprego e a educação. São estes preceitos que nós queremos e vamos concretizar com o PS no Governo Regional», frisou Paulo Cafôfo. O cabeça-de-lista do PS-M às eleições legislativas regionais lembra que o Funchal tem já a sua estratégia local de habitação e uma inventariação dos casos que são mais urgentes e considera que há que fazê-lo no total da Região. Paulo Cafôfo deu ainda conta do programa "Primeiro Direito", que é um projeto nacional, e considerou que o Governo Regional pode aproveitar essas verbas para, conjuntamente com um esforço do orçamento regional, resolver os problemas habitacionais.