Covid-19: Quase 9 milhões de infetados no mundo

Há quase 9 milhões de infetados com covid-19 no Mundo. Mais de metade já recuperou. Quase meio milhar morreu. Dados que continuam a assustar, sobretudo quando se sabe que a pandemia está a ser difícil de controlar em alguns países. Os Estados Unidos da América já têm mais de dois milhões de infetados, com mais de 121 mil mortos. No Brasil, estão notificados mais de um milhão de infetados, com quase 50 mil mortes. Na Rússia, que aparece em terceiro lugar na lista, há mais de meio milhar de infetados e 8 mil mortos. A Índia surge em quarto lugar, com 412 mil casos positivos de covid notificados. Os mortos já ultrapassaram a fasquia dos 13 mil. O Reino Unido tem mais de 303 mil infetados com o novo coronavírus, sendo que já faleceram, por causa desta doença, quase 43 mil pessoas. Perú, Espanha, Itália, Chie e Irão têm todos mais de 200 mil infetados (cada). A Alemanha caminha para os 200 mil, com quase 9 mil mortos. Portugal tem quase 39 mil infetados e mais de 1500 mortos.

Covid-19:  Quase 9 milhões de infetados no mundo
Há quase 9 milhões de infetados com covid-19 no Mundo. Mais de metade já recuperou. Quase meio milhar morreu. Dados que continuam a assustar, sobretudo quando se sabe que a pandemia está a ser difícil de controlar em alguns países. Os Estados Unidos da América já têm mais de dois milhões de infetados, com mais de 121 mil mortos. No Brasil, estão notificados mais de um milhão de infetados, com quase 50 mil mortes. Na Rússia, que aparece em terceiro lugar na lista, há mais de meio milhar de infetados e 8 mil mortos. A Índia surge em quarto lugar, com 412 mil casos positivos de covid notificados. Os mortos já ultrapassaram a fasquia dos 13 mil. O Reino Unido tem mais de 303 mil infetados com o novo coronavírus, sendo que já faleceram, por causa desta doença, quase 43 mil pessoas. Perú, Espanha, Itália, Chie e Irão têm todos mais de 200 mil infetados (cada). A Alemanha caminha para os 200 mil, com quase 9 mil mortos. Portugal tem quase 39 mil infetados e mais de 1500 mortos.