Desembarque reduzido para 100 passageiros por semana na Madeira: “Se não for a bem vai a mal”

O aeroporto vai passar a receber apenas 100 pessoas por semana, garante Miguel Albuquerque. Lembrou o governante que a Madeira conseguiu “condicionar a entrada, reduzir o número de operações”, foi a primeira a introduzir o controlo de temperatura e que esta é uma “recomendação que tem a anuência do senhor Representante da República”, que já falou com o presidente da República e com o primeiro-ministro. A redução vai ser uma realidade, garante. “Se não for a bem vai a mal”. Quanto à “não circulação dos profissionais de saúde resultou da auscultação dos próprios profissionais de saúde, que assim evitam uma potencial contaminação caso surja em algum dos lugares”.

Desembarque reduzido para 100 passageiros por semana na Madeira: “Se não for a bem vai a mal”
O aeroporto vai passar a receber apenas 100 pessoas por semana, garante Miguel Albuquerque. Lembrou o governante que a Madeira conseguiu “condicionar a entrada, reduzir o número de operações”, foi a primeira a introduzir o controlo de temperatura e que esta é uma “recomendação que tem a anuência do senhor Representante da República”, que já falou com o presidente da República e com o primeiro-ministro. A redução vai ser uma realidade, garante. “Se não for a bem vai a mal”. Quanto à “não circulação dos profissionais de saúde resultou da auscultação dos próprios profissionais de saúde, que assim evitam uma potencial contaminação caso surja em algum dos lugares”.