Dois judocas da seleção portuguesa com testes positivos

Dois atletas da seleção portuguesa, que prepara o primeiro estágio alargado, em Coimbra, tiveram resultados positivos em testes à covid-19, disse hoje à Lusa o presidente da Federação Portuguesa de Judo (FPJ). “Não foi nenhuma das judocas que esteve no estágio em Idanha-a-Nova”, revelou Jorge Fernandes, sem querer adiantar os nomes dos dois judocas que testaram positivo, referindo apenas que se trata de uma atleta feminina e um masculino, de seniores. No estágio em Idanha-a-Nova estiveram oito judocas da equipa olímpica, nomeadamente, Telma Monteiro, Maria Siderot, Catarina Costa, Joana Ramos, Bárbara Timo, Patrícia Sampaio, Yahima Ramirez e Rochele Nunes, treinados por Ana Hormigo. Em Coimbra, a federação preparava-se para reunir uma equipa alargada, num estágio programado até sábado, e os testes que todos efetuaram à covid-19 acabaram por indicar dois casos, embora o presidente da FPJ garanta que a programação se mantém. “Os dois atletas vão para casa. Estão a ser acompanhados pelo delegado de saúde de Coimbra e tudo está a ser tratado. Também na identificação de quem esteve em contacto com eles”, acrescentou o presidente da FPJ.

Dois judocas da seleção portuguesa com testes positivos
Dois atletas da seleção portuguesa, que prepara o primeiro estágio alargado, em Coimbra, tiveram resultados positivos em testes à covid-19, disse hoje à Lusa o presidente da Federação Portuguesa de Judo (FPJ). “Não foi nenhuma das judocas que esteve no estágio em Idanha-a-Nova”, revelou Jorge Fernandes, sem querer adiantar os nomes dos dois judocas que testaram positivo, referindo apenas que se trata de uma atleta feminina e um masculino, de seniores. No estágio em Idanha-a-Nova estiveram oito judocas da equipa olímpica, nomeadamente, Telma Monteiro, Maria Siderot, Catarina Costa, Joana Ramos, Bárbara Timo, Patrícia Sampaio, Yahima Ramirez e Rochele Nunes, treinados por Ana Hormigo. Em Coimbra, a federação preparava-se para reunir uma equipa alargada, num estágio programado até sábado, e os testes que todos efetuaram à covid-19 acabaram por indicar dois casos, embora o presidente da FPJ garanta que a programação se mantém. “Os dois atletas vão para casa. Estão a ser acompanhados pelo delegado de saúde de Coimbra e tudo está a ser tratado. Também na identificação de quem esteve em contacto com eles”, acrescentou o presidente da FPJ.