Dr. Dre, Snoop Dogg, Eminem e Kendrick Lamar atuam no intervalo do Super Bowl 2022

Dr. Dre, Snoop Dogg, Eminem, Mary J. Blige e Kendrick Lamar são os artistas escolhidos para atuar no espetáculo de intervalo da próxima final do Super Bowl, em Los Angeles (EUA), em 13 de fevereiro de 2022. A liga nacional de futebol americano (NFL) e a Pepsi, patrocinadora do evento, lembraram na quinta-feira em comunicado que este Super Bowl vai ter um grande significado para a cidade californiana, que volta a receber uma final quase 30 anos depois. Além disso, Dr. Dre, Kendrick Lamar e Snoop Dogg são naturais do sul da Califórnia. "A oportunidade de me exibir no intervalo do Super Bowl e fazê-lo na minha casa [Los Angeles] será uma das grandes emoções da minha carreira", observou o rapper Dr. Dre. O espetáculo musical do intervalo do Super Bowl é um evento global que atrai tanta ou mais atenção do que o próprio jogo. O cantor canadiano The Weekend foi o protagonista do último espetáculo, ocorrido em fevereiro deste ano, numa atuação adaptada devido às restrições impostas pela pandemia, ficando aquém das expectativas. Muito diferente foi o resultado de Jennifer López e Shakira, que com uma aposta bem latina e com convidados como J Balvin ou Bad Bunny triunfou na edição de 2020, pouco antes de o novo coronavírus paralisar o planeta. Maroon 5 (2019), Justin Timberlake (2018), Lady Gaga (2017), Coldplay (2016), Katy Perry (2015), Bruno Mars (2014) e Beyoncé (2013) completam a lista recente de atuações no intervalo do Super Bowl.

Dr. Dre, Snoop Dogg, Eminem e Kendrick Lamar atuam no intervalo do Super Bowl 2022
Dr. Dre, Snoop Dogg, Eminem, Mary J. Blige e Kendrick Lamar são os artistas escolhidos para atuar no espetáculo de intervalo da próxima final do Super Bowl, em Los Angeles (EUA), em 13 de fevereiro de 2022. A liga nacional de futebol americano (NFL) e a Pepsi, patrocinadora do evento, lembraram na quinta-feira em comunicado que este Super Bowl vai ter um grande significado para a cidade californiana, que volta a receber uma final quase 30 anos depois. Além disso, Dr. Dre, Kendrick Lamar e Snoop Dogg são naturais do sul da Califórnia. "A oportunidade de me exibir no intervalo do Super Bowl e fazê-lo na minha casa [Los Angeles] será uma das grandes emoções da minha carreira", observou o rapper Dr. Dre. O espetáculo musical do intervalo do Super Bowl é um evento global que atrai tanta ou mais atenção do que o próprio jogo. O cantor canadiano The Weekend foi o protagonista do último espetáculo, ocorrido em fevereiro deste ano, numa atuação adaptada devido às restrições impostas pela pandemia, ficando aquém das expectativas. Muito diferente foi o resultado de Jennifer López e Shakira, que com uma aposta bem latina e com convidados como J Balvin ou Bad Bunny triunfou na edição de 2020, pouco antes de o novo coronavírus paralisar o planeta. Maroon 5 (2019), Justin Timberlake (2018), Lady Gaga (2017), Coldplay (2016), Katy Perry (2015), Bruno Mars (2014) e Beyoncé (2013) completam a lista recente de atuações no intervalo do Super Bowl.