Estreito da Calheta reclama dinheiro e obras

Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2018

A junta de freguesia do Estreito da Calheta pouco fica, em termos financeiros, do orçamento para 2018 para fazer face a pequenas obras. Dos 49 mil euros , pouco mais de três mil resta para o investimento. Patrício Agrela, o presidente de junta, relembra que é com esse dinheiro que pretende fazer melhoramentos para a freguesia. 

O autarca pede, por isso, paoio à Câmara Municipal para obras fundamentais para a freguesia. 

 

 

Para Ouvir aqui a reportagem





Publicidade
Publicidade