Machico Ativo encerra 5ª edição na próxima segunda-feira

Realiza-se na próxima segunda feira, dia 7 de outubro, o encerramento da 5ª edição do projeto Machico Ativo.  De acordo com nota de imprensa, esta iniciativa dinamizada pela ADRAP, que conta com o apoios da Associação da Madeira Desporto para...

Machico Ativo encerra 5ª edição na próxima segunda-feira
Realiza-se na próxima segunda feira, dia 7 de outubro, o encerramento da 5ª edição do projeto Machico Ativo.  De acordo com nota de imprensa, esta iniciativa dinamizada pela ADRAP, que conta com o apoios da Associação da Madeira Desporto para Todos, Câmara Municipal de Machico, Junta de Freguesia de Machico e Farmácia do Engenho, "proporcionou todas as primeiras segundas-feiras de cada mês a toda a população de Machico, a avaliação de vários parâmetros de saúde (glicémia, tensão arterial, percentagem de massa gorda, IMC e oximetria), aulas de fitness ou caminhadas e aconselhamento/recomendações ao nível do exercício físico e saúde." Entre março e outubro, uma equipa multidisciplinar composta por enfermeiros e profissionais de Educação Física realizaram cerca de 500 avaliações aos cerca de 150 participantes inscritos, contribuindo deste modo na promoção da prática regular da atividade física e na adoção de estilos de vida saudáveis, principalmente na população mais idosa de Machico. Foram ainda distribuídas t-shirts, chapéus e sacos desportivos aos participantes mais assíduos e que apresentaram melhorias na sua saúde ao longo do programa.A grande novidade deste ano prendeu-se com a realização de uma Conferência sobre o Envelhecimento Ativo e a Qualidade de Vida, no Fórum Machico, no Dia Mundial da Atividade Física (6 de abril), que contou com a presença de vários especialistas e com cerca de 60 participantes. "Foi uma excelente oportunidade para refletir e debater algumas problemáticas associadas ao envelhecimento e partilhar e difundir algumas das boas práticas existentes na nossa região", refere a mesma nota.   "O crescente número de participantes e a regularidade que apresentam, demonstra a dinâmica que este programa tem conseguido implementar junto da população ao longo dos últimos 5 anos. É nosso objetivo continuar no próximo ano, não apenas a promover a prática de atividade física, orientada e com avaliação, mas também procurar promover alterações comportamentais nos participantes, que levem a modificações nos seus estilos de vida, maioritariamente sedentários, e a melhorias na saúde e qualidade de vida", conclui.