Madeira contraria 'Costas' voltadas

O gestor António Costa Silva elaborou o Plano de Recuperação do país a pedido do primeiro-ministro António Costa. Como ninguém falou com a Madeira, o vice-presidente Pedro Calado deu o primeiro passo. Esta é a notícia que faz a manchete na edição impressa de hoje do JM, a ler na página 4. Os nomes avançados pelo PSD para as autárquicas assumem tema de destaque no caderno das Jornadas Madeira, hoje disponível com a edição do Jornal. Neste âmbito, Manuel António Correia é a aposta do PSD para a Câmara do Funchal. O JM sabe que o partido se prepara para avanços significativos no dossier autárquico e que acredita na disponibilidade do ex-secretário regional. Saiba também que Emanuel Gomes é o desejado em Machico e que Gualberto Fernandes é o mais certo na Ponta do Sol. Também no caderno especial hoje publicado, Ricardo Nascimento aceita apoios para as autárquicas, mas não se compromete. O presidente da Câmara da Ribeira Brava diz que o movimento de independentes está aberto ao apoio dos partidos, como em 2017. E considera que é cedo para falar de acordos e de nomes para a lista. Nas páginas 3 a 6 do caderno, saiba que aumentam os pedidos de ajudas sociais. As instituições notam que há cada vez mais pessoas em situação de carência. A edição de hoje do JM traz os detalhes sobre o acidente de carro que deixou cinco jovens feridos no Funchal e do crime que levou três para a cadeia por sequestro e roubo na Madeira. Homem de 27 anos combinou encontro com uma mulher e acabou por ser assaltado e agredido por dois indivíduos. Os crimes decorreram entre Machico e Santa Cruz e os três suspeitos ficaram em prisão preventiva. Destaque ainda para a reabertura do Teatro Municipal Baltazar Dias a 8 de setembro, com lotação limitada a 134 lugares. Estes e muitos outros assuntos na edição impressa de hoje do seu JM, já disponível nos locais habituais e na plataforma online.

Madeira contraria 'Costas' voltadas
O gestor António Costa Silva elaborou o Plano de Recuperação do país a pedido do primeiro-ministro António Costa. Como ninguém falou com a Madeira, o vice-presidente Pedro Calado deu o primeiro passo. Esta é a notícia que faz a manchete na edição impressa de hoje do JM, a ler na página 4. Os nomes avançados pelo PSD para as autárquicas assumem tema de destaque no caderno das Jornadas Madeira, hoje disponível com a edição do Jornal. Neste âmbito, Manuel António Correia é a aposta do PSD para a Câmara do Funchal. O JM sabe que o partido se prepara para avanços significativos no dossier autárquico e que acredita na disponibilidade do ex-secretário regional. Saiba também que Emanuel Gomes é o desejado em Machico e que Gualberto Fernandes é o mais certo na Ponta do Sol. Também no caderno especial hoje publicado, Ricardo Nascimento aceita apoios para as autárquicas, mas não se compromete. O presidente da Câmara da Ribeira Brava diz que o movimento de independentes está aberto ao apoio dos partidos, como em 2017. E considera que é cedo para falar de acordos e de nomes para a lista. Nas páginas 3 a 6 do caderno, saiba que aumentam os pedidos de ajudas sociais. As instituições notam que há cada vez mais pessoas em situação de carência. A edição de hoje do JM traz os detalhes sobre o acidente de carro que deixou cinco jovens feridos no Funchal e do crime que levou três para a cadeia por sequestro e roubo na Madeira. Homem de 27 anos combinou encontro com uma mulher e acabou por ser assaltado e agredido por dois indivíduos. Os crimes decorreram entre Machico e Santa Cruz e os três suspeitos ficaram em prisão preventiva. Destaque ainda para a reabertura do Teatro Municipal Baltazar Dias a 8 de setembro, com lotação limitada a 134 lugares. Estes e muitos outros assuntos na edição impressa de hoje do seu JM, já disponível nos locais habituais e na plataforma online.