Maioria dos madeirenses recebe menos de 10 mil euros por ano

A manchete de hoje do JM revela que a maior parte dos madeirenses declara rendimentos abaixo dos 10 mil euros e a Madeira é mesmo a terceira região do País onde há mais desigualdade financeira. Os dados são da Direção Regional de Estatística...

Maioria dos madeirenses recebe menos de 10 mil euros por ano
A manchete de hoje do JM revela que a maior parte dos madeirenses declara rendimentos abaixo dos 10 mil euros e a Madeira é mesmo a terceira região do País onde há mais desigualdade financeira. Os dados são da Direção Regional de Estatística e fazem parte de uma publicação inédita baseada em dados fiscais. Uma notícia que pode ler numa edição que dá conta, também, da revolta da família de Hugo Abreu. A avó do jovem madeirense, que morreu durante uma prova de esforço do curso de Comandos, confessou ao JM viver em “agonia” por saber que o neto “morreu em sofrimento”. “Era melhor que ele tivesse levado um tiro”, frisa, revoltada com o facto de o Estado ter decidido suspender a negociação para a indemnização à família. Saiba também que o centro para sem-abrigo no Bom Jesus levanta polémica, que 48 vidas foram resgatadas do mar em 2019, e que sobram apenas 183 doses de vacinas da gripe. A investigação da PJ a uma morte no Caminho do Amparo, e a necessidade de apoio aos portugueses na Venezuela são outros temas para acompanhar. Leia mais sobre estes e outros assuntos, na edição desta terça-feira do seu JM.