"Missão cumprida". Forças Armadas despedem-se de utente de 88 anos que venceu o coronavírus

As Forças Armadas despediram-se de um utente acolhido a 29 de março testando positivo para a covid-19, que agora está curado. José, de 88 anos, utente de um lar de Albergaria-a-Velha, foi infetado pelo coronavírus e acolhido no Hospital das Forças Armadas, Polo do Porto, dia 29 de março, onde lhe foram prestados os devidos cuidados médicos, relata o Correio da Manhã. De acordo com o Estado-Maior-General das Forças Armadas, José teve alta e regressou ao seu lar, curado. "No adeus, um gesto simples valeu um enorme agradecimento e o sentimento de missão cumprida para todos os profissionais que o acompanharam!", descrevem as Forças Armadas, citadas pela mesma fonte.

As Forças Armadas despediram-se de um utente acolhido a 29 de março testando positivo para a covid-19, que agora está curado. José, de 88 anos, utente de um lar de Albergaria-a-Velha, foi infetado pelo coronavírus e acolhido no Hospital das Forças Armadas, Polo do Porto, dia 29 de março, onde lhe foram prestados os devidos cuidados médicos, relata o Correio da Manhã. De acordo com o Estado-Maior-General das Forças Armadas, José teve alta e regressou ao seu lar, curado. "No adeus, um gesto simples valeu um enorme agradecimento e o sentimento de missão cumprida para todos os profissionais que o acompanharam!", descrevem as Forças Armadas, citadas pela mesma fonte.