PSG embala com ‘bis’ de Mbappé

O PSG não podia pedir melhor nesta 1.ª mão dos quartos de final. Num jogo com cinco golos, os franceses levaram a melhor esta quarta-feira e venceram o Bayern Munique, por 3-2, no Allianz Arena, com Mbappé a estar uma vez mais em plano de destaque, sendo determinante no sentido do PSG ir com vantagem para o jogo da segunda mão diante do Bayern de Munique, que ontem não contou com Lewandowski, o goleador de serviço da equipa alemã. Relativamente ao jogo propriamente dito, foi a todo o gás que o PSG começou o jogo com um golo de Kylian Mbappé logo aos três minutos, com os franceses a serem autoritários e a imporem o seu jogo logo nos primeiros minutos, deixando o aviso de que queriam resolver a questão o mais cedo possível. Seguidamente, antes da meia hora, os parisienses voltaram a marcar, desta vez por intermédio de Marquinhos. Neymar assistiu para o primeiro e segundo golos, partindo a cabeça aos defesas bávaros. Ainda na primeira parte, Choupo-Mouting reduziu para os alemães e voltou a colocar o Bayern vivo na partida, esboçando assim uma reação e intenção da equipa alemã em reentrar na discussão do resultado, respondendo à boa entrada do PSG no encontro. No segundo tempo, quando o relógio marcava 60 minutos, Thomas Muller recolocou tudo igual, com os alemães a conseguirem estabelecer a igualdade. No entanto, o fator Mbappé decidiu este jogo. Aos 68 minutos, o internacional francês bisou e selou aquele que viria a ser o resultado final do encontro: 3-2, provando uma vez mais que faz a diferença, derrubando as aspirações dos alemães na 1.ª mão jogada ontem, num jogo interessante e com muitos golos, com duas equipas de altíssima qualidade. A 2.ª mão, que se realizará em Paris, está agendada para o próximo dia 13, às 20h00, com o PSG a ter vantagem, juntando a isso os três golos marcados fora, em caso de empate da eliminatória.

PSG embala com ‘bis’ de Mbappé
O PSG não podia pedir melhor nesta 1.ª mão dos quartos de final. Num jogo com cinco golos, os franceses levaram a melhor esta quarta-feira e venceram o Bayern Munique, por 3-2, no Allianz Arena, com Mbappé a estar uma vez mais em plano de destaque, sendo determinante no sentido do PSG ir com vantagem para o jogo da segunda mão diante do Bayern de Munique, que ontem não contou com Lewandowski, o goleador de serviço da equipa alemã. Relativamente ao jogo propriamente dito, foi a todo o gás que o PSG começou o jogo com um golo de Kylian Mbappé logo aos três minutos, com os franceses a serem autoritários e a imporem o seu jogo logo nos primeiros minutos, deixando o aviso de que queriam resolver a questão o mais cedo possível. Seguidamente, antes da meia hora, os parisienses voltaram a marcar, desta vez por intermédio de Marquinhos. Neymar assistiu para o primeiro e segundo golos, partindo a cabeça aos defesas bávaros. Ainda na primeira parte, Choupo-Mouting reduziu para os alemães e voltou a colocar o Bayern vivo na partida, esboçando assim uma reação e intenção da equipa alemã em reentrar na discussão do resultado, respondendo à boa entrada do PSG no encontro. No segundo tempo, quando o relógio marcava 60 minutos, Thomas Muller recolocou tudo igual, com os alemães a conseguirem estabelecer a igualdade. No entanto, o fator Mbappé decidiu este jogo. Aos 68 minutos, o internacional francês bisou e selou aquele que viria a ser o resultado final do encontro: 3-2, provando uma vez mais que faz a diferença, derrubando as aspirações dos alemães na 1.ª mão jogada ontem, num jogo interessante e com muitos golos, com duas equipas de altíssima qualidade. A 2.ª mão, que se realizará em Paris, está agendada para o próximo dia 13, às 20h00, com o PSG a ter vantagem, juntando a isso os três golos marcados fora, em caso de empate da eliminatória.