Rali dos Açores fora do Europeu de Ralis

O promotor do Campeonato da Europa de Ralis da FIA informou a Comissão Organizadora do Azores Rallye de que a prova não faz parte dos seus planos para a temporada de 2023.   A justificação apresentada pelo WRC Promoter foi que a sua intenção é tornar o campeonato mais central, para reduzir o custo para as equipas, segundo a organização. Apesar do esforço da Comissão Organizadora do Azores Rallye em garantir o transporte marítimo e aéreo gratuitos para as equipas, estas mesmo assim consideram que a imobilização dos meios é demasiado longa face às outras provas do campeonato, segundo informou o promotor. "Lamentamos profundamente esta decisão, que não perspectivávamos, uma vez que todas as entidades federativas elogiaram o evento, incluindo o WRC Promoter, que apresentou à Comissão Organizadora do Azores Rallye uma proposta para a continuidade da prova em 2023 e 2024, a qual estava a ser objecto de negociação", pode ler-se em comunicado, com a organização a prometer trabalho. "Vamos continuar a trabalhar na edição do próximo ano, a quinquagésima sétima, com vista a garantir, em conjunto com os nossos parceiros, um evento com a qualidade que lhe é reconhecida, esperando, no futuro, voltar a integrar a competição máxima dos ralis a nível europeu", concluíram. 

Rali dos Açores fora do Europeu de Ralis
O promotor do Campeonato da Europa de Ralis da FIA informou a Comissão Organizadora do Azores Rallye de que a prova não faz parte dos seus planos para a temporada de 2023.   A justificação apresentada pelo WRC Promoter foi que a sua intenção é tornar o campeonato mais central, para reduzir o custo para as equipas, segundo a organização. Apesar do esforço da Comissão Organizadora do Azores Rallye em garantir o transporte marítimo e aéreo gratuitos para as equipas, estas mesmo assim consideram que a imobilização dos meios é demasiado longa face às outras provas do campeonato, segundo informou o promotor. "Lamentamos profundamente esta decisão, que não perspectivávamos, uma vez que todas as entidades federativas elogiaram o evento, incluindo o WRC Promoter, que apresentou à Comissão Organizadora do Azores Rallye uma proposta para a continuidade da prova em 2023 e 2024, a qual estava a ser objecto de negociação", pode ler-se em comunicado, com a organização a prometer trabalho. "Vamos continuar a trabalhar na edição do próximo ano, a quinquagésima sétima, com vista a garantir, em conjunto com os nossos parceiros, um evento com a qualidade que lhe é reconhecida, esperando, no futuro, voltar a integrar a competição máxima dos ralis a nível europeu", concluíram.