Rede de Solários revitaliza património e turismo

Depois da aposta na recuperação dos solares madeirenses, o Governo Regional (GR) da Madeira quer agora criar uma rede para potenciar o usufruto turístico e cultural destas infraestruturas. A ideia foi dada a conhecer, esta manhã, pelo presidente...

Depois da aposta na recuperação dos solares madeirenses, o Governo Regional (GR) da Madeira quer agora criar uma rede para potenciar o usufruto turístico e cultural destas infraestruturas. A ideia foi dada a conhecer, esta manhã, pelo presidente do Executivo madeirense, Miguel Albuquerque, em visita ao Solar de São Cristóvão, em Machico, um edifício que foi alvo de recuperação e que está aberto ao público em geral. A recuperação desta estrutura representa mais uma “atractividade turística” no concelho de Machico”, afirmou o líder do Governo, dando também conta das ‘mais-valias’ do espaço complementar que alberga a biblioteca de Carlos Cristóvão. “Estamos a trabalhar para enriquecer a oferta cultural e o património da Região. A ideia é constituir uma “rede visitável de solares da Madeira, onde está configurada a história da nossa ilha”, sublinhou Miguel Albuquerque, aproveitando a ocasião para anunciar a recuperação de mais um solar em São Vicente, intervenção que acresce às obras já concluídas no Solar do Aposento, na Ponta Delgada. Em São Vicente, acrescentou o presidente do GR, será também aberta, dentro de uma a duas a semanas, a sala do tesouro da igreja matriz de Machico.