Ricardo Nascimento quer autarquias da Ribeira Brava e da Ponta Sol e Governo Regional como sócios da Associação dos bombeiros

Na cerimónia da tomada de posse dos órgãos sociais da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Ribeira Brava e Ponta do Sol estiveram presentes Pedro Ramos, secretário regional da Saúde e da Proteção civil, Ricardo Nascimento, presidente...

Ricardo Nascimento quer autarquias da Ribeira Brava e da Ponta Sol e Governo Regional como sócios da Associação dos bombeiros
Na cerimónia da tomada de posse dos órgãos sociais da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Ribeira Brava e Ponta do Sol estiveram presentes Pedro Ramos, secretário regional da Saúde e da Proteção civil, Ricardo Nascimento, presidente CM da Ribeira Brava, Célia Pessegueiro, presidente da CM da Ponta de Sol, e José Dias, presidente do Serviço Regional de Proteção civil da Madeira. (SRPC).  O Presidente da Câmara Municipal da Ribeira Brava, Ricardo Nascimento, apelou hoje para a “revisão dos estatutos da associação” dos bombeiros local, por forma a “integrar como sócios da associação os municípios da Ribeira Brava e da Ponta de Sol, bem como o Governo Regional”. Presente esta tarde na cerimónia da tomada de posse dos órgãos sociais da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Ribeira Brava e Ponta do Sol, o edil enalteceu a importância da “democraticidade para a renovação dos elementos”, para assim alargar “horizontes com novas pessoas e ideias”, agradecendo “o contributo dos membros cessantes e congratular “a direção que tomou posse. Na visão de Ricardo Nascimento esta inclusão das duas autarquias e do GR justifica-se pelo volume “de apoios diretos e indiretos” que estas entidades injetam na associação, bem como pelas “mais-valias que estas parcerias” e outras “aberturas à sociedade civil” podem trazer à corporação. O município da Ribeira Brava tem reservado no seu orçamento para 2020, uma verba de apoio de 180 mil euros, integrado no protocolo anual de cooperação com os Bombeiros.