Rúben Micael dá exemplo solidário no Restaurante do Forte (com vídeo)

Longe vão os tempos em que Rúben Micael vivia em situação de pobreza. A luta foi dura, mas a força de vontade deu frutos e o jogador da bola, natural de Câmara de Lobos, tornou-se num empresário com investimentos em dois estabelecimentos de...

Rúben Micael dá exemplo solidário no Restaurante do Forte (com vídeo)
Longe vão os tempos em que Rúben Micael vivia em situação de pobreza. A luta foi dura, mas a força de vontade deu frutos e o jogador da bola, natural de Câmara de Lobos, tornou-se num empresário com investimentos em dois estabelecimentos de restauração de renome situados no centro Funchal.   Presentes mantém as origens e os objetivos que não desiste de concretizar. E hoje, Ruben Micael abriu as portas do Restaurante do Forte, na Zona Velha da Cidade, para acolher 150 pessoas carenciadas às quais ofereceu um almoço de Natal. E ressalve-se que não poupou aos ingredientes de cada prato que custa, por norma, 30 euros. Aqui as exigências reduziram-se a uma: “Ou era um almoço solidário para gente que necessita”, ou não era almoço nenhum, garante. Há, porém, outros méritos a destacar, nomeadamente da Secretaria Regional da Inclusão e dos Assuntos Sociais que procurou, atendendo às necessidades de cada um, selecionar os convidados, aos quais disponibilizou também o transporte. “São pessoas que vêm dos nossos centros comunitários, dos nossos centros de dia, que pelas suas vivências não teriam facilmente uma oportunidade de ter um almoço num local tão bonito, com uma vista maravilhosa e serem, sobretudo, tratados como príncipes e princesas”, declarou a secretária Augusta Aguiar, que marcou presença neste convívio solidário. E ao JM coube o “papel mais simples”, isto é, “intermediar a generosidade do Restaurante do Forte e o empresário e jogador de futebol Ruben Micael e fazer o elo de ligação com a Secretaria que tratou de juntar estas pessoas”, conforme explicou à comunicação social o diretor Agostinho Silva.