Acidente grave em São Gonçalo quase teve fim trágico

Por pouco não acabou em tragédia um acidente entre dois veículos ligeiros ocorrido na manhã desta sexta-feira na Estrada do Aeroporto, numa curva situada após o Centro de Inspeções, em direção a São Gonçalo. Ambos os veículos ligeiros acidentados, um deles um microcarro, ficaram colocados sobre os rails existentes na berma da estrada, na iminência de caírem para dentro de um ribeiro. Do sinistro resultaram dois feridos, nomeadamente o casal ocupante do microcarro que ficou “pendurado como uma balança” entre a estrada e o ribeiro com uma altura considerável, conforme apurou o JM junto de fonte dos Bombeiros Voluntários Madeirenses. A corporação começou por proceder ao socorro das vítimas, estabilizando a viatura que ficou à beira de uma queda que podia ter sido fatal para os ocupantes do veículo. Posteriormente, procederam ao desencarceramento do ferido com maior gravidade, retirando a porta e o pilar B do microcarro. O homem de 47 anos ficou encarcerado no interior do microcarro e ficou ferido com gravidade numa das pernas que ficaram presas com a violência do embate. Devido às múltiplas fraturas que apresentava neste membro inferior, que causavam dores insuportáveis, a Equipa Médica de Intervenção Rápida apoiou a corporação de bombeiros na estabilização da vítima com recurso a duas injeções. A outra ocupante da viatura, uma mulher de 43 anos que, à chegada das equipas de socorro, já se encontrava no exterior do carro, foi também socorrida pelos BVM, e estava queixosa do tórax. Ambos foram transportados para o Hospital Dr. Nélio Mendonça, onde deram entrada no serviço de urgências. O ocupante do outro veículo sinistrado saiu ileso desta ocorrência, que terá tido origem no facto de o piso estar escorregadio. Os Bombeiros Voluntários Madeirenses estiveram no local com um veículo de desencarceramento com cinco elementos, duas ambulâncias e um VETA – Veículo com Equipamento Técnico de Apoio, este último para efetuar a lavagem da estrada com farelo.

Acidente grave em São Gonçalo quase teve fim trágico
Por pouco não acabou em tragédia um acidente entre dois veículos ligeiros ocorrido na manhã desta sexta-feira na Estrada do Aeroporto, numa curva situada após o Centro de Inspeções, em direção a São Gonçalo. Ambos os veículos ligeiros acidentados, um deles um microcarro, ficaram colocados sobre os rails existentes na berma da estrada, na iminência de caírem para dentro de um ribeiro. Do sinistro resultaram dois feridos, nomeadamente o casal ocupante do microcarro que ficou “pendurado como uma balança” entre a estrada e o ribeiro com uma altura considerável, conforme apurou o JM junto de fonte dos Bombeiros Voluntários Madeirenses. A corporação começou por proceder ao socorro das vítimas, estabilizando a viatura que ficou à beira de uma queda que podia ter sido fatal para os ocupantes do veículo. Posteriormente, procederam ao desencarceramento do ferido com maior gravidade, retirando a porta e o pilar B do microcarro. O homem de 47 anos ficou encarcerado no interior do microcarro e ficou ferido com gravidade numa das pernas que ficaram presas com a violência do embate. Devido às múltiplas fraturas que apresentava neste membro inferior, que causavam dores insuportáveis, a Equipa Médica de Intervenção Rápida apoiou a corporação de bombeiros na estabilização da vítima com recurso a duas injeções. A outra ocupante da viatura, uma mulher de 43 anos que, à chegada das equipas de socorro, já se encontrava no exterior do carro, foi também socorrida pelos BVM, e estava queixosa do tórax. Ambos foram transportados para o Hospital Dr. Nélio Mendonça, onde deram entrada no serviço de urgências. O ocupante do outro veículo sinistrado saiu ileso desta ocorrência, que terá tido origem no facto de o piso estar escorregadio. Os Bombeiros Voluntários Madeirenses estiveram no local com um veículo de desencarceramento com cinco elementos, duas ambulâncias e um VETA – Veículo com Equipamento Técnico de Apoio, este último para efetuar a lavagem da estrada com farelo.