“Adaptar a produção agrícola regional às alterações climáticas”

Essa será uma das linhas de orientação do Governo Regional, em matéria de agricultura, conforme referiu Humberto Vasconcelos. Na projeção do quadriénio que agora arranca, Humberto Vasconcelos, após sintetizar aquilo que foi feito desde 2015,...

“Adaptar a produção agrícola regional às alterações climáticas”
Essa será uma das linhas de orientação do Governo Regional, em matéria de agricultura, conforme referiu Humberto Vasconcelos. Na projeção do quadriénio que agora arranca, Humberto Vasconcelos, após sintetizar aquilo que foi feito desde 2015, assegurou que “o Governo Regional pretende estimular a adoção de práticas mais sustentáveis que preservem os ecossistemas, com orientação das cadeiras de valor para a economia circular, a mitigação da pegada de carbono e a redução dos desperdício alimentar”, sendo objetivo do Executivo madeirense “adaptar o mais rapidamente possível a produção agrícola regional às alterações climáticas, conferir um maior apoio desempenho da agricultura familiar, cativar mais jovens empreendedores para a agropecuária, incentivar o modo de produção biológico e melhorar a qualidade e valor das produções agrícolas e pecuárias”, entre muitas outras medidas.