Alberto João Jardim profere conferência na Assembleia Legislativa da Madeira

Alberto João Jardim vai proferir na próxima segunda-feira uma conferência subordinada ao tema ‘Autonomia – Que futuro?’, num convite do presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, ao político que governou a Madeira durante cerca de quatro décadas. Alberto João Jardim tem sido um dos defensores do alargamento dos poderes autonómicos das Regiões insulares e durante muitos anos assumiu a expressão “contencioso de autonomia” para reivindicar um novo modelo autonómico. Jardim considera que os poderes da República, em relação às regiões devem estar limitados aos “direitos, liberdades e garantias, defesa e segurança, política externa, tribunais de recurso e sistema nacional de segurança social.” Proferida por um defensor de uma Autonomia mais ampla e federalizada no seio da República Portuguesa, esta conferência é também a oportunidade para saber a opinião de Alberto João Jardim sobre os novos desafios, à governação, colocados pela pandemia da Covid-19. A conferência acontece no Salão Nobre do parlamento madeirense pelas 17h30, do dia 13 de julho. A palestra promovida pela Presidência da Assembleia Legislativa da Madeira insere-se no ciclo de conferências intitulado ‘Parlamento com Causas’, que ao longo do ano tem abordado os grandes temas da atualidade transversais a toda a sociedade e sensibilidades políticas. ‘Parlamento com Causas’ pretende consciencializar, debater e apontar soluções para as questões mais prementes da sociedade, entre as quais ganha particular relevo a Autonomia.    

Alberto João Jardim profere conferência na Assembleia Legislativa da Madeira
Alberto João Jardim vai proferir na próxima segunda-feira uma conferência subordinada ao tema ‘Autonomia – Que futuro?’, num convite do presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, ao político que governou a Madeira durante cerca de quatro décadas. Alberto João Jardim tem sido um dos defensores do alargamento dos poderes autonómicos das Regiões insulares e durante muitos anos assumiu a expressão “contencioso de autonomia” para reivindicar um novo modelo autonómico. Jardim considera que os poderes da República, em relação às regiões devem estar limitados aos “direitos, liberdades e garantias, defesa e segurança, política externa, tribunais de recurso e sistema nacional de segurança social.” Proferida por um defensor de uma Autonomia mais ampla e federalizada no seio da República Portuguesa, esta conferência é também a oportunidade para saber a opinião de Alberto João Jardim sobre os novos desafios, à governação, colocados pela pandemia da Covid-19. A conferência acontece no Salão Nobre do parlamento madeirense pelas 17h30, do dia 13 de julho. A palestra promovida pela Presidência da Assembleia Legislativa da Madeira insere-se no ciclo de conferências intitulado ‘Parlamento com Causas’, que ao longo do ano tem abordado os grandes temas da atualidade transversais a toda a sociedade e sensibilidades políticas. ‘Parlamento com Causas’ pretende consciencializar, debater e apontar soluções para as questões mais prementes da sociedade, entre as quais ganha particular relevo a Autonomia.