“Alberto João tinha razão: depois de mim, será o caos”, Élvio Sousa

Élvio Sousa diz citar Alberto João Jardim que em 2014, de acordo com o líder parlamentar do JPP, terá proferido essa frase: “Depois de mim, será o caos”. Ora, Élvio Sousa diz que “sou forçado a lhe dar razão”, elencando um rol de críticas ao atual funcionamento do Governo Regional e da relação com o parlamento regional. Há “um escudo protetor da transparência”, denunciou Élvio Sousa, dando razão a Miguel Iglésias, que antes tivera uma intervenção para criticar o Governo Regional pela ausência de respostas sobre as mais diversas solicitações de informação, da parte do grupo parlamentar do PS.

“Alberto João tinha razão: depois de mim, será o caos”, Élvio Sousa
Élvio Sousa diz citar Alberto João Jardim que em 2014, de acordo com o líder parlamentar do JPP, terá proferido essa frase: “Depois de mim, será o caos”. Ora, Élvio Sousa diz que “sou forçado a lhe dar razão”, elencando um rol de críticas ao atual funcionamento do Governo Regional e da relação com o parlamento regional. Há “um escudo protetor da transparência”, denunciou Élvio Sousa, dando razão a Miguel Iglésias, que antes tivera uma intervenção para criticar o Governo Regional pela ausência de respostas sobre as mais diversas solicitações de informação, da parte do grupo parlamentar do PS.