Bebé brasileiro aguarda cirurgia para remover tumores gigantes espalhados pelo corpo

Antony Levi Benvindo Freitas nasceu a 4 de agosto na Maternidade Dona Regina, em Palmas (Brasil), e, desde então, está à espera de uma intervenção cirúrgica para remover os tumores gigantes que tem espalhados por todo o corpo. Isto porque,...

Bebé brasileiro aguarda cirurgia para remover tumores gigantes espalhados pelo corpo
Antony Levi Benvindo Freitas nasceu a 4 de agosto na Maternidade Dona Regina, em Palmas (Brasil), e, desde então, está à espera de uma intervenção cirúrgica para remover os tumores gigantes que tem espalhados por todo o corpo. Isto porque, explica o G1, citado pelo Notícias ao Minuto, o bebé foi diagnosticado com um linfangioma, uma malformação linfática que dá origem a tumores benignos. O recém-nascido tem o corpo coberto por tumores gigantes que continuam a crescer e já dobraram de tamanho desde o dia em que nasceu, o que lhe pode colocar a vida em risco. A mesma fonte explica que, pese embora o tribunal tenha ordenado que a cirurgia necessária seja efetuada num prazo máximo de cinco dias, a Secretaria de Estado da Saúde explicou que o Estado não realiza este tipo de procedimento cirúrgico. Só o Hospital AC Camargo Câncer Center, em São Paulo, entrou em contacto com a maternidade garantindo ter a capacidade para realizar a intervenção cirúrgica. No entanto, a consulta para avaliação do estado da criança tem que ser paga antecipadamente, o que está vedado pela lei brasileira à administração pública. Questionado, o governo brasileiro já fez saber que será o juiz a determinar de que forma Antony poderá ser submetido à cirurgia.