Bolsas de estudo de Câmara de Lobos aprovadas por unanimidade

A atribuição da bolsa de estudo municipal, a 572 alunos do ensino superior de Câmara de Lobos, mereceu o voto unânime dos vereadores do PSD PS e CDS. A aprovação decorreu na 60.ª reunião de Câmara e representa um acréscimo de 20%, face ao ano...

Bolsas de estudo de Câmara de Lobos aprovadas por unanimidade
A atribuição da bolsa de estudo municipal, a 572 alunos do ensino superior de Câmara de Lobos, mereceu o voto unânime dos vereadores do PSD PS e CDS. A aprovação decorreu na 60.ª reunião de Câmara e representa um acréscimo de 20%, face ao ano transato, no número de alunos a apoiar. A atribuição da bolsa de estudos municipal, aprovada esta manhã por unanimidade em reunião de Câmara, contempla uma bolsa mensal de 50 euros para os estudantes que frequentam o ensino superior na Madeira e de 75 euros para os estudantes que frequentam o ensino superior fora da Região, onde se incluem os estudantes no estrangeiro, estudantes de mestrado e de mestrado integrado. Das 615 candidaturas recebidas foram comtemplados 572 estudantes, um acréscimo de 20% de alunos apoiados face ao ano letivo anterior (475). Segundo a Vice-presidente da Câmara, com o pelouro da educação, Sónia Pereira, esta aprovação por unanimidade consubstancia a validade da aposta que a Câmara Municipal tem feito na Educação nos últimos anos, com vista a aumentar os níveis de escolaridade da população e potenciar o desenvolvimento concelhio. Os critérios de concessão permitiram abranger um vasto leque de alunos residentes no concelho, não só das famílias carenciadas, mas também aqueles que são os oriundos da denominada classe média e média-baixa, cujos agregados apresentam um rendimento mensal per capita que os exclui de qualquer apoio social. Do total de candidaturas excluídas, apenas 4 foram-no pelos agregados auferirem de rendimentos superiores ao estipulado em regulamento. Uma medida que vem aliviar o orçamento de centenas de famílias câmara-lobenses. Das candidaturas validadas para o ano letivo 2019/2020, 215 candidatos frequentam uma instituição de ensino superior na RAM e 357 candidatos frequentam uma instituição de ensino fora da RAM. O apoio agora aprovado representa um investimento de 375.250 euros. A educação é um dos vetores estratégicos de desenvolvimento concelhio pelo que este investimento é, segundo Sónia Pereira, um investimento com retorno positivo garantido para o desenvolvimento de Câmara de Lobos.