Bombeiros acodem a homem que precisa de aparelho para auxiliar respiração

Tal como contou hoje o JM, José Luís Rodrigues não pode utilizar o aparelho, desde que foi cortada a luz no Hotel Jardins d’ Ajuda. Esta manhã, sentiu-se mal e está a ser socorrido pelos Sapadores do Funchal. José Luís, de 49 anos, é diabético, tem mobilidade reduzida e depende de uma máquina para auxiliar a respiração durante a noite, aparelho que não pode utilizar desde que foi cortado o fornecimento de eletricidade, na passada sexta-feira, no Hotel Jardins d’ Ajuda. O luso venezuelano sentiu-se mal esta manhã e está, neste momento, a ser socorrido por uma equipa de bombeiros dos Sapadores do Funchal. Recorde-se que a Sociedade Comercial decidiu cortar a luz, a água e o gás, dando ordem de saída aos proprietários e inquilinos dos Jardins d’ Ajuda. Ao JM, duas vizinhas de José Luís Rodrigues já tinham alertado para o estado de saúde do homem e para o facto de estar a passar restrições alimentares.

Bombeiros acodem a homem que precisa de aparelho para auxiliar respiração
Tal como contou hoje o JM, José Luís Rodrigues não pode utilizar o aparelho, desde que foi cortada a luz no Hotel Jardins d’ Ajuda. Esta manhã, sentiu-se mal e está a ser socorrido pelos Sapadores do Funchal. José Luís, de 49 anos, é diabético, tem mobilidade reduzida e depende de uma máquina para auxiliar a respiração durante a noite, aparelho que não pode utilizar desde que foi cortado o fornecimento de eletricidade, na passada sexta-feira, no Hotel Jardins d’ Ajuda. O luso venezuelano sentiu-se mal esta manhã e está, neste momento, a ser socorrido por uma equipa de bombeiros dos Sapadores do Funchal. Recorde-se que a Sociedade Comercial decidiu cortar a luz, a água e o gás, dando ordem de saída aos proprietários e inquilinos dos Jardins d’ Ajuda. Ao JM, duas vizinhas de José Luís Rodrigues já tinham alertado para o estado de saúde do homem e para o facto de estar a passar restrições alimentares.