Cafôfo apela ao voto: "É agora ou nunca a mudança na Madeira"

As eleições de 22 de setembro são decisivas para o futuro da Região e dos madeirenses e porto-santenses. É desta forma que Paulo Cafôfo deixa um apelo a todos para que participem de forma massiva nas eleições do próximo domingo e escolham,...

Cafôfo apela ao voto:
As eleições de 22 de setembro são decisivas para o futuro da Região e dos madeirenses e porto-santenses. É desta forma que Paulo Cafôfo deixa um apelo a todos para que participem de forma massiva nas eleições do próximo domingo e escolham, em consciência, o caminho que querem para o futuro. Esta mensagem foi deixada pelo candidato do PS durante uma arruada realizada esta quarta-feira à tarde, que reuniu centenas de pessoas e percorreu as principais ruas do centro do Funchal. Paulo Cafôfo foi efusivamente cumprimentado pelas pessoas, que lhe transmitiram mensagens de confiança e de apoio. Para Paulo Cafôfo, as Regionais são as eleições mais importantes deste período da democracia e da autonomia. Para além de estar em causa a opção por um projeto que resolva os problemas mais prementes dos madeirenses, como a Saúde, a Habitação, o Emprego e as ligações com o continente - aéreas e marítimas -, está em causa escolher o próximo presidente do Governo Regional. Para Paulo Cafôfo só existem duas hipóteses: "ou o ainda presidente Miguel Albuquerque, ou eu, com um outro projeto e outra forma de estar na política". O candidato defende ser necessário ter um presidente à altura, e um presidente à altura "é aquele que está no meio do povo, com o povo, mas também nos maus momentos, quando os madeirenses mais necessitam. Podem contar comigo", assegurou. Paulo Cafôfo vincou que o projeto do PS é um projeto de inclusão e que ninguém no governo vai ficar sem emprego. "A perseguição, o medo e a chantagem vão acabar. Nós não vamos deixar ninguém para trás", afirmou, defendendo uma administração pública valorizada e motivada, porque "a Região só se pode desenvolver com funcionários públicos que sejam competentes, que tenham a formação e a valorização necessárias, e isso connosco é uma garantia". Paulo Cafôfo revela ter muita confiança na vitória nas eleições do próximo domingo: "Sente-se uma grande vontade de mudança. A mudança vai acontecer agora", concluiu.