Colegas da Juventus contestam tratamento especial a Ronaldo

A Juventus tem somado desaire atrás de desaire e o balneário parece estar a ficar contra o craque português por conta do tratamento especial, avança a imprensa italiana. De acordo com a Gazzetta dello Sport, os jogadores da Juventus acreditam que CR7 tem demasiada liberdade e o que aconteceu após a derrota com o AC Milan foi a gota de água.  O madeirense não treinou, ao contrário dos colegas, no dia a seguir ao desaire e visitou a fábrica da Ferrari na companhia de Andrea Agnelli e John Elaknn, presidente e CEO da Juventus, respetivamente.  A mesma fonte, citada pelo Notícias ao Minuto, avança que os colegas de equipa não compreenderam o porquê de Ronaldo ter direito a folga, algo que já aconteceu mais vezes durante a temporada. Ronaldo já havia falhado outros treinos por compromissos relacionados com alguns patrocinadores. Em suma, o plantel da Juventus não compreende que CR7 seja tratado de forma diferenciada face aos restantes jogadores. 

Colegas da Juventus contestam tratamento especial a Ronaldo
A Juventus tem somado desaire atrás de desaire e o balneário parece estar a ficar contra o craque português por conta do tratamento especial, avança a imprensa italiana. De acordo com a Gazzetta dello Sport, os jogadores da Juventus acreditam que CR7 tem demasiada liberdade e o que aconteceu após a derrota com o AC Milan foi a gota de água.  O madeirense não treinou, ao contrário dos colegas, no dia a seguir ao desaire e visitou a fábrica da Ferrari na companhia de Andrea Agnelli e John Elaknn, presidente e CEO da Juventus, respetivamente.  A mesma fonte, citada pelo Notícias ao Minuto, avança que os colegas de equipa não compreenderam o porquê de Ronaldo ter direito a folga, algo que já aconteceu mais vezes durante a temporada. Ronaldo já havia falhado outros treinos por compromissos relacionados com alguns patrocinadores. Em suma, o plantel da Juventus não compreende que CR7 seja tratado de forma diferenciada face aos restantes jogadores.