Comissão Europeia lança concurso de tradução nas escolas

A Comissão Europeia anuncia hoje a 13.ª edição do seu concurso anual Jovens Tradutores, para os alunos do ensino secundário de toda a Europa.  A partir de 2 de setembro, as escolas de todos os Estados-Membros da UE poderão inscrever-se em linha,...

Comissão Europeia lança concurso de tradução nas escolas
A Comissão Europeia anuncia hoje a 13.ª edição do seu concurso anual Jovens Tradutores, para os alunos do ensino secundário de toda a Europa.  A partir de 2 de setembro, as escolas de todos os Estados-Membros da UE poderão inscrever-se em linha, para que os seus alunos possam competir com colegas de toda a Europa. Este ano, os participantes terão de traduzir um texto sobre o tema do contributo dos jovens para moldar o futuro da Europa. Os participantes poderão traduzir entre quaisquer duas das 24 línguas oficiais da UE (552 combinações linguísticas possíveis). Na edição do ano passado, os estudantes utilizaram um total de 154 combinações linguísticas. O prazo para a inscrição das escolas — a primeira de duas fases — decorre até 20 de outubro de 2019. O formulário de inscrição pode ser preenchido em qualquer uma das 24 línguas oficiais da UE. A seguir, a Comissão Europeia convidará 751 escolas a participar na segunda fase. O número de escolas participantes de cada país será igual ao número de deputados que o país tiver no Parlamento Europeu e a seleção será feita aleatoriamente por computador. As escolas selecionadas devem convidar dois a cinco alunos para participar. Os estudantes podem ser de qualquer nacionalidade, mas deverão ter nascido todos no mesmo ano, ou seja, 2002. O concurso terá lugar em 21 de novembro de 2019, simultaneamente, em todas as escolas participantes. A partir deste ano, o concurso será efetuado em linha. Os vencedores — um por país — serão anunciados no início de fevereiro de 2020 e receberão o prémio na primavera de 2020, numa cerimónia especialmente dedicada ao evento, que decorrerá em Bruxelas. Durante a sua visita à capital belga, os alunos terão a oportunidade de conhecer os tradutores profissionais da Direção-Geral da Tradução da Comissão Europeia — responsáveis pela avaliação das suas traduções — e de conversar sobre a profissão de tradutor.