Dois homens detidos pelo crime de roubo qualificado, dano e detenção de armas proibidas

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, desmantelou um grupo criminoso que há cerca de um mês vinha cometendo crimes violentos contra a propriedade e contra as pessoas com utilização de armas de fogo. Com efeito, o grupo é suspeito...

Dois homens detidos pelo crime de roubo qualificado, dano e detenção de armas proibidas
A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, desmantelou um grupo criminoso que há cerca de um mês vinha cometendo crimes violentos contra a propriedade e contra as pessoas com utilização de armas de fogo. Com efeito, o grupo é suspeito de, durante esse período, ter cometido cerca de trinta crimes de roubo em estabelecimento, de viatura, posto de abastecimento de combustíveis e ainda de incêndio, dano e homicídio na forma tentada. Numa nota de imprensa da PJ enviada ao JM, referem que apenas numa noite (14/15 novembro) o grupo cometeu catorze crimes usando armas de fogo com as quais dispararam indiscriminadamente contra as vítimas. Também na madrugada de 16 para 17 do corrente mês, quando o grupo tinha cometido mais três crimes foi possível deter um dos elementos que, presente a Tribunal na passada 3ª feira, ficou a aguardar os ulteriores termos do processo em prisão preventiva. Na noite de ontem, na sequência de operação policial tendo em vista a detenção dos outros elementos do grupo, foi possível localizá-los e detê-los, e, assim, concretizar o desmantelamento do grupo. Os detidos, com idades de 20 e 27 anos, com vastos antecedentes criminais, foram conduzidos ao hospital face às lesões que sofreram aquando da detenção e, logo que possível, vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.