Estrada das Ginjas: Raimundo Quintal diz que vai apelar à solidariedade internacional

O investigador Raimundo Quintal diz que "o mundo não termina na Ponta de São Lourenço" e vão recorrer "à solidariedade internacional dos amigos da Laurissilva". Em causa está a reabertura ao trânsito rodoviário da estrada das Ginjas, que o...

Estrada das Ginjas: Raimundo Quintal diz que vai apelar à solidariedade internacional
O investigador Raimundo Quintal diz que "o mundo não termina na Ponta de São Lourenço" e vão recorrer "à solidariedade internacional dos amigos da Laurissilva". Em causa está a reabertura ao trânsito rodoviário da estrada das Ginjas, que o presidente do Governo Regional garantiu, publicamente, que vai avançar "quer queiram, quer não".  Fazendo um paralelo com o Brasil, o ambientalista escreve que "Bolsonaro brinca com a Amazónia e Albuquerque brinca com a Laurissilva". "Perante atitudes políticas que desprezam os dados da comunidade científica, resta a mobilização dos cidadãos que estão fartos da guerra PPD - PS pelo domínio da Madeira, sacrificando os sagrados valores da Natureza", apela Raimundo Quintal. O investigador aproveita para lembrar "que o teleférico do Rabaçal seria construído contra a vontade dos fundamentalistas do ambiente e abortou".