GNR de Coimbra lamenta falecimento de militar que se suicidou com a arma de serviço

A GNR emitiu um comunicado a esclarecer que "esta tarde, cerca das 12h35, um militar do Destacamento de Trânsito da GNR de Coimbra foi encontrado inanimado, em instalações da referida subunidade, na sequência de um aparente disparo com a sua...

GNR de Coimbra lamenta falecimento de militar que se suicidou com a arma de serviço
A GNR emitiu um comunicado a esclarecer que "esta tarde, cerca das 12h35, um militar do Destacamento de Trânsito da GNR de Coimbra foi encontrado inanimado, em instalações da referida subunidade, na sequência de um aparente disparo com a sua arma do serviço, alegadamente realizado pelo próprio". "De imediato, foram acionados os meios de emergência médica e efetuada comunicação à Polícia Judiciária Militar, que tomou conta da ocorrência. O óbito foi declarado no local, pelas autoridades competentes, e a situação comunicada à família, que se encontra a ser acompanhada por psicólogos do Centro de Psicologia e Intervenção Social da GNR. O militar falecido ingressou na GNR em 1997 e tinha 45 anos", acrescenta a nota.