Idoso morre dois dias após ser deixado no chão despido durante 14 horas num lar no Reino Unido

Um idoso morreu dois dias depois de cair e ficar 14 horas despido no chão, num lar no Reino Unido.   De acordo com o Correio da Manhã, que cita o Mirror, Kaniz Rashid e Margaret Shires, duas das mulheres que cuidavam de David Hustler e que...

Idoso morre dois dias após ser deixado no chão despido durante 14 horas num lar no Reino Unido
Um idoso morreu dois dias depois de cair e ficar 14 horas despido no chão, num lar no Reino Unido.   De acordo com o Correio da Manhã, que cita o Mirror, Kaniz Rashid e Margaret Shires, duas das mulheres que cuidavam de David Hustler e que o encontraram no chão, estão acusadas de negligência grave. O idoso, de 75 anos, que tinha demência e Alzheimer, morreu de pneumonia depois de outra funcionária do lar o levar ao hospital. O tribunal ouviu as cuidadoras, que voltaram a colocar o homem na cama sem reportar a queda. As duas funcionárias vão ouvir a sentença a 31 de janeiro de 2020.