Insólito: Pais passam cinco dias com corpo da filha morta para criar memórias

Darcy nasceu no Reino Unido com uma doença rara que lhe afetava vários órgãos. Após 25 operações, relata o jornal SOL, a menina, que havia sido submetida a uma nova intervenção cirúrgica, preparava-se para conhecer a irmã mais nova. Após a...

Insólito: Pais passam cinco dias com corpo da filha morta para criar memórias
Darcy nasceu no Reino Unido com uma doença rara que lhe afetava vários órgãos. Após 25 operações, relata o jornal SOL, a menina, que havia sido submetida a uma nova intervenção cirúrgica, preparava-se para conhecer a irmã mais nova. Após a bebé nascer, Darcy faleceu devido a uma infeção grave. De forma a criar memórias com ambas as filhas e para que a recém-nascida, Beatrice, conhecesse a irmã, a família passou cinco dias com o corpo da criança, num “quarto frio” de um hospital, numa cerimónia de despedida. “Ela era uma pessoa fantástica. Passamos algum tempo com ela. Tiramos fotografias, incluindo com a Beatrice, para ela se lembrar quando for maior", disse a mãe, Emily Nixon, citada pelo Daily Mail, explicando que o objetivo foi "ciar memórias".