JPP lamenta cancelamento de reunião com a APRAM

O JPPÉlvio S lamentou esta tarde, em comunicado, o cancelamento de uma reunião com a APRAM (Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira) marcada para as 15h00, e não aceita que o motivo tenha a ver com a mudança de Governo. "O JPP...

JPP lamenta cancelamento de reunião com a APRAM
O JPPÉlvio S lamentou esta tarde, em comunicado, o cancelamento de uma reunião com a APRAM (Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira) marcada para as 15h00, e não aceita que o motivo tenha a ver com a mudança de Governo. "O JPP não vai nessa conversa. É do domínio público que o novo Governo Regional tomará posse dia 15 de outubro, ou seja, o executivo que agora preside à APRAM, continua a ser o mesmo dos últimos quatro anos, até à próxima terça-feira, mesmo que assim não fosse, a APRAM tem um trabalho de continuidade, não seria de todo descabido realizar o compromisso assumido de realizar esta reunião, ainda mais por ser claro o interesse da pasta para a economia e sustentabilidade da Região, ainda para mais com as alterações que têm existido no setor recentemente", afirma o Juntos Pelo Povo.   Élvio Sousa, do JPP, entende que "a postura da APRAM, revela uma indisponibilidade conveniente perante a conjuntura atual e que continua a existir um boicote estrategicamente definido para dificultar o trabalho de fiscalização e legislação ao JPP".  No mesmo comunicado, o partido diz que a reunião foi soliciata em 5 de setembro e que a APRAM "alegando falta de agenda" indicou como alternativas "os dias 10 ou 11 de outubro, às 15 horas, na sede da APRAM".  "Ontem, 10 de outubro, pelas 17h30, a APRAM tentou entrar em contato com o JPP para desmarcar a reunião, mas os serviços do mesmo encerram às 17h00, algo que é do conhecimento público. Hoje, dia 11 de outubro, dia agendado para a realização da reunião, entra em contato, via telefone, informando os serviços do movimento, do cancelamento da reunião, alegando a mudança de Governo como entrave à realização da mesma", conta o JPP.