Lisboa recebe fase final da Liga dos Campeões de futebol em agosto

 Lisboa vai receber a fase final da Liga dos Campeões de futebol em agosto, numa ‘final a oito’, em campos neutros e em apenas um jogo, anunciou hoje a UEFA. O encontro decisivo estava previsto para o Estádio Olímpico Ataturk, em Istambul, na Turquia, que, em maio de 2018, tinha derrotado a ‘casa’ do Benfica nesta ‘corrida’. A edição de 2019/20 da ‘Champions’, que foi suspensa em março devido à pandemia de covid-19, vai ser reatada com os restantes quatro jogos dos oitavos de final, seguindo-se o desfecho inédito em campos neutros, nos Estádios da Luz e José Alvalade, em Lisboa, confirmou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Atlético de Madrid, Atalanta, Leipzig e Paris Saint-Germain aguardam a segunda mão dos embates dos ‘oitavos’ (Manchester City-Real Madrid, Juventus-Lyon, FC Barcelona-Nápoles e Bayern Munique-Chelsea), agendados para 07 e 08 de agosto, no Porto ou em Guimarães, caso não sejam jogados nos recintos dos clubes, segundo a UEFA. Nessa altura, já vai ser conhecido o alinhamento dos ‘quartos’, a disputar entre 12 e 15 de agosto, e das ‘meias’, em 18 e 19 de agosto, uma vez que o sorteio destas fases ficou marcado para 10 de julho. Na comunicação hoje feita, o secretário-geral da UEFA, Giorgio Marchetti, indicou ainda que os palcos previstos paras as finais avançam todos um ano, devido ao facto de Istambul, que deveria receber este ano a final da ‘Champions’, ter sido cancelada. Assim, a cidade turca acolherá a final de 2020/21, no Estádio Olímpico Atatürk, São Petersburgo receberá a decisão em 2022, Munique em 2023 e Wembley (Londres) em 2024. Em 02 de junho, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esperar uma "boa notícia" para Portugal no campo do futebol internacional, enquanto, na terça-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS) assegurou "todas as condições" para acolher a competição. A final, que vai ditar o sucessor do já eliminado Liverpool como campeão da mais importante prova europeia de clubes, vai ser disputada pela terceira vez em Portugal.

Lisboa recebe fase final da Liga dos Campeões de futebol em agosto
 Lisboa vai receber a fase final da Liga dos Campeões de futebol em agosto, numa ‘final a oito’, em campos neutros e em apenas um jogo, anunciou hoje a UEFA. O encontro decisivo estava previsto para o Estádio Olímpico Ataturk, em Istambul, na Turquia, que, em maio de 2018, tinha derrotado a ‘casa’ do Benfica nesta ‘corrida’. A edição de 2019/20 da ‘Champions’, que foi suspensa em março devido à pandemia de covid-19, vai ser reatada com os restantes quatro jogos dos oitavos de final, seguindo-se o desfecho inédito em campos neutros, nos Estádios da Luz e José Alvalade, em Lisboa, confirmou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Atlético de Madrid, Atalanta, Leipzig e Paris Saint-Germain aguardam a segunda mão dos embates dos ‘oitavos’ (Manchester City-Real Madrid, Juventus-Lyon, FC Barcelona-Nápoles e Bayern Munique-Chelsea), agendados para 07 e 08 de agosto, no Porto ou em Guimarães, caso não sejam jogados nos recintos dos clubes, segundo a UEFA. Nessa altura, já vai ser conhecido o alinhamento dos ‘quartos’, a disputar entre 12 e 15 de agosto, e das ‘meias’, em 18 e 19 de agosto, uma vez que o sorteio destas fases ficou marcado para 10 de julho. Na comunicação hoje feita, o secretário-geral da UEFA, Giorgio Marchetti, indicou ainda que os palcos previstos paras as finais avançam todos um ano, devido ao facto de Istambul, que deveria receber este ano a final da ‘Champions’, ter sido cancelada. Assim, a cidade turca acolherá a final de 2020/21, no Estádio Olímpico Atatürk, São Petersburgo receberá a decisão em 2022, Munique em 2023 e Wembley (Londres) em 2024. Em 02 de junho, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esperar uma "boa notícia" para Portugal no campo do futebol internacional, enquanto, na terça-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS) assegurou "todas as condições" para acolher a competição. A final, que vai ditar o sucessor do já eliminado Liverpool como campeão da mais importante prova europeia de clubes, vai ser disputada pela terceira vez em Portugal.