Mega espetáculo de Natal e brinquedos despertam centenas de sorrisos na Calheta

Foi um verdadeiro espetáculo aquilo que a Câmara Municipal da Calheta organizou, esta quinta-feira, para as cerca de 700 crianças do Pré-escolar e 1º Ciclo do Ensino Básico. Com esta mega festa de Natal, dirigida aos munícipes de ‘palmo e meio’,...

Mega espetáculo de Natal e brinquedos despertam centenas de sorrisos na Calheta
Foi um verdadeiro espetáculo aquilo que a Câmara Municipal da Calheta organizou, esta quinta-feira, para as cerca de 700 crianças do Pré-escolar e 1º Ciclo do Ensino Básico. Com esta mega festa de Natal, dirigida aos munícipes de ‘palmo e meio’, a Calheta atinge um dos pontos mais altos das festividades. Afinal, “sem o sorriso de uma criança, o Natal não é a mesma coisa”. Isso mesmo realçou por diversas vezes, esta manhã, o presidente da Câmara da Calheta, na sessão de abertura desta festa que já vai na sua XXI edição. “Nada melhor do que ver a felicidade estampada nos rostos das nossas crianças para nós também nos sentirmos felizes”, transmitiu Carlos Teles, no Pavilhão do CDR Prazeres, o palco de grande parte das iniciativas natalícias do Município. Um pavilhão que, nesta época, é decorado a rigor pela equipa camarária, a quem o presidente teceu largos elogios. “Isto é a prova de como o trabalho em equipa funciona melhor”, sublinhou o autarca, procurando incutir esse pensamento às crianças presentes no local. “Certamente sabem que lá na escola se trabalharmos em equipa conseguimos mais depressa os nossos objetivos”, prosseguiu, acrescentando que “é graças ao apoio de todos que temos força para continuar a proporcionar cada vez melhores condições aos nossos meninos, que são o dia de amanhã do concelho da Calheta”.  Já o diretor regional da Inovação e Gestão, que esteve em representação do secretário regional da Educação, Ciência e Tecnologia, elogiou esta “grande oportunidade” oferecida pela autarquia, “não só porque é Natal, mas sobretudo porque todos têm a oportunidade de receber um presente”. António Lucas enalteceu, por isso, “a forma igualizada” como o Município trata todas as crianças, porque se não fosse assim nem todos teriam as mesmas condições”. A festa, que contou com 700 crianças, pessoal docente e não docente e muitos encarregados de educação, foi abrilhantada com espetáculos de animação protagonizados por grupos das escolas e do concelho. Ao longo da festa não faltaram surpresas, desde a entrada em grande da apresentadora, que fez uma descida até ao recinto em ‘slide’, aos brinquedos trazidos pelo Pai Natal que, no final, ‘aterrou’ da mesma forma.