Migrantes forçam entrada na fronteira entre Guatemala e México

 Um grupo de dezenas de migrantes centro-americanos tentou este sábado atravessar à força a fronteira entre a Guatemala e o México, numa tentativa travada pelas forças de segurança mexicanas. Elementos da Guarda Nacional mexicana, da Marinha...

Migrantes forçam entrada na fronteira entre Guatemala e México
 Um grupo de dezenas de migrantes centro-americanos tentou este sábado atravessar à força a fronteira entre a Guatemala e o México, numa tentativa travada pelas forças de segurança mexicanas. Elementos da Guarda Nacional mexicana, da Marinha e das autoridades da imigração fecharam o acesso à ponte fronteiriça Rodolfo Robles, que liga um município da Guatemala com Cidade Hidalgo, no México. Segundo a agência EFE, fontes do Instituto Nacional de Migrações indicaram que os migrantes se precipitaram sobre a fronteira e que as autoridades fecharam o acesso para repor a ordem nas centenas de pessoas que se encontravam na caravana. Depois, as autoridades mexicanas começaram a autorizar a entrada de pequenos grupos de até 20 pessoas. “Tudo o que queremos é um trabalho para sermos capazes de comer e de sustentar a família”, disse um dos migrantes à agência EFE. Na sexta-feira, o presidente mexicano, Andrés Manuel Lopez Obrador, disse que há cerca de quatro mil empregos disponíveis na zona sul do país, tanto para migrantes como para nacionais. A nova caravana migrante que está a tentar entrar no México terá mais de 2.500 pessoas, segundo estimativas divulgadas pela EFE. O Governo mexicano já prometeu que dará asilo e trabalho a quem o solicite de maneira formal, com a condição de permanecer na parte sul do país e não tentarem chegar aos Estados Unidos.