Mulher fingiu ter cancro terminal e angariou mais de 40 mil euros

Lucy Wieland,  uma mulher de 27 anos, fingiu que tinha um cancro terminal, nos ovários. Alegando ter menos de um ano de vida, a impostora, de nacionalidade australiana, conseguiu angariar 43 mil euros através da plataforma digital GoFundMe....

Mulher fingiu ter cancro terminal e angariou mais de 40 mil euros
Lucy Wieland,  uma mulher de 27 anos, fingiu que tinha um cancro terminal, nos ovários. Alegando ter menos de um ano de vida, a impostora, de nacionalidade australiana, conseguiu angariar 43 mil euros através da plataforma digital GoFundMe. No pedido de ajuda, dizia que necessitava de dinheiro para pagar tratamentos para combater o tumor maligno e "comprar mais tempo de vida", noticia o Impala. A mulher, residente em Douglas, Townsville, chegou mesmo a internar-se num hospital, rapou o cabelo e partilhou a história nas redes sociais. A mulher acabou por ser detida e acusada de fraude. Após ter estado presente no tribunal de Towsville, teve de pagar fiança para ficar em liberdade até ao julgamento. As forças policiais avançaram que estão a investigar o destino que Lucy deu ao dinheiro angariado, revela a mesma fonte.