Música em destaque na próxima conversa do Funchal Cultura 2030

A Câmara Municipal do Funchal promove, no próximo dia 13 de agosto, pelas 18h00, a 6ª conversa no âmbito do projeto “Funchal Cultura 2030”. A iniciativa dedicada à música, será transmitida através das plataformas digitais do Teatro Municipal Baltazar Dias e conta com a participação de Vânia Fernandes, Diana Duarte, Gonçalo Caboz, Márcio Faria e Paulo Esteireiro. De acordo com nota enviada à imprensa, "este será um momento para debater as consequências da crise pandémica no meio artístico e cultural, onde a impossibilidade da realização de concertos e outros eventos, levou a que muitos músicos independentes perdessem os seus rendimentos e ficassem com o futuro em suspenso. Como se cria em tempo de desconfiamento, quais os desafios para o futuro e como regulamentar o setor, são outras das temáticas que também serão analisadas na conversa". A mesma nota recorda que o “Funchal Cultura 2030” teve início a 15 de maio e ao longo de 4 meses já reuniu cerca de 20 agentes culturais das áreas do teatro, dança, museologia, artes visuais, literatura e música. Esta primeira etapa que decorre até dezembro de 2020, centra-se no mapeamento cultural da cidade, com a auscultação dos vários agentes culturais e uma reflexão partilhada com decisores políticos, técnicos municipais e peritos, com vista à apresentação dos principais eixos estruturais a conter no plano estratégico". O município do Funchal diz ainda que tem assumido a cultura "como um eixo central das políticas públicas, sendo que pretende com este projeto criar um plano estratégico para a cultura do concelho a pensar na próxima década. O grande propósito é desenvolver e implementar uma estratégia cultural abrangente e clara, com o melhoramento dos mecanismos de comunicação e divulgação do setor, incentivo ao trabalho em rede e responder aos novos desafios que se avizinham para o setor".

Música em destaque na próxima conversa do Funchal Cultura 2030
A Câmara Municipal do Funchal promove, no próximo dia 13 de agosto, pelas 18h00, a 6ª conversa no âmbito do projeto “Funchal Cultura 2030”. A iniciativa dedicada à música, será transmitida através das plataformas digitais do Teatro Municipal Baltazar Dias e conta com a participação de Vânia Fernandes, Diana Duarte, Gonçalo Caboz, Márcio Faria e Paulo Esteireiro. De acordo com nota enviada à imprensa, "este será um momento para debater as consequências da crise pandémica no meio artístico e cultural, onde a impossibilidade da realização de concertos e outros eventos, levou a que muitos músicos independentes perdessem os seus rendimentos e ficassem com o futuro em suspenso. Como se cria em tempo de desconfiamento, quais os desafios para o futuro e como regulamentar o setor, são outras das temáticas que também serão analisadas na conversa". A mesma nota recorda que o “Funchal Cultura 2030” teve início a 15 de maio e ao longo de 4 meses já reuniu cerca de 20 agentes culturais das áreas do teatro, dança, museologia, artes visuais, literatura e música. Esta primeira etapa que decorre até dezembro de 2020, centra-se no mapeamento cultural da cidade, com a auscultação dos vários agentes culturais e uma reflexão partilhada com decisores políticos, técnicos municipais e peritos, com vista à apresentação dos principais eixos estruturais a conter no plano estratégico". O município do Funchal diz ainda que tem assumido a cultura "como um eixo central das políticas públicas, sendo que pretende com este projeto criar um plano estratégico para a cultura do concelho a pensar na próxima década. O grande propósito é desenvolver e implementar uma estratégia cultural abrangente e clara, com o melhoramento dos mecanismos de comunicação e divulgação do setor, incentivo ao trabalho em rede e responder aos novos desafios que se avizinham para o setor".