Ninfas iniciam ‘desconfinamento’ dos eventos (ao público) do Conservatório

O Conservatório - Escola Profissional das Artes da Madeira, Eng.º Luiz Peter Clode, apresenta no próximo sábado, dia 11 de julho, um pequeno concerto e solenização eucarística com o Ensemble Vocal Feminino ‘Ninfas do Atlântico’. Este evento, o primeiro de formato presencial após o confinamento, será realizado na Igreja Paroquial Sagrado Coração de Jesus (Boa Nova), pelas 18h30. Relembra-se que, desde o passado dia 12 de março e devido à pandemia da covid-19, todos os espetáculos previstos no plano anual de atividades do Conservatório, com formato presencial e para o grande público, se encontravam suspensos. Desta forma, este evento surge como o início do ‘desconfinamento’ das nossas atividades ao público, sinalizando o final de um ano letivo atípico para toda a comunidade educativa. Embora aberto a todos os interessados, este evento cumprirá com as recomendações este evento cumprirá com as recomendações das Autoridades de Saúde, em vigor. É uma oportunidade para ver, ao vivo, a atuação das vencedoras do programa televisivo Got Talent – Portugal, em 2018, e recordar temas como ‘Down in the river to pray’, de origem afro-americana, ‘A dream is a wish your heart makes’, do conhecido filme da Disney ‘Cinderela’, e ‘You raise me up’ de Brendan Graham e Rolf Lovland, tema este que levou o grupo a passar à final do programa televisivo. O Ensemble Vocal Feminino ‘Ninfas do Atlântico’ foi concebido e criado em 2014. Atualmente, é um grupo composto por 8 vozes femininas e o seu repertório incide nas músicas clássicas modernas e sacro. Ao longo da sua existência, tem participado em eventos e espetáculos organizados pelo Conservatório e outras entidades públicas e privadas, destacando a participação nas comemorações do dia da Região Autónoma da Madeira e das Comunidades Madeirenses, na Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, no ano de 2016. Desde a sua fundação, o grupo conta com direção artística de Zélia Gomes. Nesta celebração, antecedida de concerto, o grupo será acompanhado ao piano e órgão por Lénia Franco.

Ninfas iniciam ‘desconfinamento’ dos eventos (ao público) do Conservatório
O Conservatório - Escola Profissional das Artes da Madeira, Eng.º Luiz Peter Clode, apresenta no próximo sábado, dia 11 de julho, um pequeno concerto e solenização eucarística com o Ensemble Vocal Feminino ‘Ninfas do Atlântico’. Este evento, o primeiro de formato presencial após o confinamento, será realizado na Igreja Paroquial Sagrado Coração de Jesus (Boa Nova), pelas 18h30. Relembra-se que, desde o passado dia 12 de março e devido à pandemia da covid-19, todos os espetáculos previstos no plano anual de atividades do Conservatório, com formato presencial e para o grande público, se encontravam suspensos. Desta forma, este evento surge como o início do ‘desconfinamento’ das nossas atividades ao público, sinalizando o final de um ano letivo atípico para toda a comunidade educativa. Embora aberto a todos os interessados, este evento cumprirá com as recomendações este evento cumprirá com as recomendações das Autoridades de Saúde, em vigor. É uma oportunidade para ver, ao vivo, a atuação das vencedoras do programa televisivo Got Talent – Portugal, em 2018, e recordar temas como ‘Down in the river to pray’, de origem afro-americana, ‘A dream is a wish your heart makes’, do conhecido filme da Disney ‘Cinderela’, e ‘You raise me up’ de Brendan Graham e Rolf Lovland, tema este que levou o grupo a passar à final do programa televisivo. O Ensemble Vocal Feminino ‘Ninfas do Atlântico’ foi concebido e criado em 2014. Atualmente, é um grupo composto por 8 vozes femininas e o seu repertório incide nas músicas clássicas modernas e sacro. Ao longo da sua existência, tem participado em eventos e espetáculos organizados pelo Conservatório e outras entidades públicas e privadas, destacando a participação nas comemorações do dia da Região Autónoma da Madeira e das Comunidades Madeirenses, na Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, no ano de 2016. Desde a sua fundação, o grupo conta com direção artística de Zélia Gomes. Nesta celebração, antecedida de concerto, o grupo será acompanhado ao piano e órgão por Lénia Franco.