Novos vereadores tomam posse em Câmara de Lobos

Tomaram posse esta manhã, na 60.ª reunião de Câmara do município câmara-lobense, os novos vereadores eleitos pelo PSD, Lina Maria Ferreira Lucas, e Leonel Calisto Correia da Silva. A remodelação do elenco executivo, decorre da saída de Vanessa...

Novos vereadores tomam posse em Câmara de Lobos
Tomaram posse esta manhã, na 60.ª reunião de Câmara do município câmara-lobense, os novos vereadores eleitos pelo PSD, Lina Maria Ferreira Lucas, e Leonel Calisto Correia da Silva. A remodelação do elenco executivo, decorre da saída de Vanessa Azevedo e Graça Barros, chamadas a abraçar responsabilidades profissionais em organismos governativos regionais. Foi no decorrer da 60.ª reunião de Câmara do Município de Câmara de Lobos que Pedro Coelho leu a ata de assunção de funções dos novos vereadores do PSD, que integram, a partir de hoje, o elenco governativo municipal. Lina Lucas é natural e residente na freguesia do Estreito de Câmara de Lobos. É funcionária pública e desempenha a função de assistente técnica da Segurança Social no concelho de Câmara de Lobos. Leonel Silva, também natural do Estreito, que era até ontem Chefe de Gabinete de Pedro Coelho, cargo que desempenhava desde o 2013, aquando do início do primeiro mandato de Pedro Coelho à frente dos destinos da autarquia de Câmara de Lobos, é agora chamado a assumir funções de vereador, cargo que já desempenhou entre 2002 e 2009. Com a alteração da equipa executiva da Câmara Municipal de Câmara de Lobos, Pedro Coelho reestrutura a distribuição de pelouros e competências da equipa de vereação. De quatro, o Executivo Municipal passa a três vereadores a tempo inteiro, sendo que Lina Lucas não terá pelouros atribuídos. Pedro Coelho fica com o pelouro de Coordenação Política e Gestão Autarquica, acrescentando às pastas que já assumia as de Gestão Financeira; Aprovisionamento e Património Municipal e a Auditoria de Qualidade. A pasta de Agricultura e assuntos do Mar transita para Leonel Silva. A vice-presidente Sónia Pereira fica com o pelouro da Educação, Intervenção Social e Juventude, com competências ao nível da política social; habitação e gestão dos bairros sociais municipais; gestão dos centros comunitário e centros de dia; educação e juventude; desporto e educação ambiental. Bruno Coelho mantém a pasta de Urbanismo e Ordenamento do Território, sem alterações ao nível das competências assumidas. Leonel Silva assume o pelouro do Ambiente e Cultura, que integra responsabilidades governativas ao nível do Ambiente e saúde pública; Agricultura e assuntos do mar; Cultura e eventos de interesse municipal; Modernização administrativa e Recursos humanos.