O embaixador dos oceanos nos mares da Madeira em exposição no Porto Moniz

Entre 21 de agosto e 17 de setembro, a exposição itinerante de fotografia 'Cachalote – O embaixador dos oceanos nos mares da Madeira' pode ser visitada no Centro Multiusos do Porto Moniz. Através de 19 fotografias é retratada a presença do cachalote (Physeter macrocephalus) nos mares da Madeira. A exposição inclui fotografias captadas por investigadores do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, polo da Madeira, OOM - Observatório Oceânico da Madeira e de empresas marítimo-turísticas. O cachalote é atualmente considerado uma espécie vulnerável sendo, por isso, alvo de ações de conservação. O objetivo da exposição é precisamente dar a conhecer esta espécie e consciencializar sobre a sua vulnerabilidade. A exposição foi concebida no âmbito do “Whale Tales Project”, um projeto financiado pelo FUNDO para a Conservação dos Oceanos, criado pelo Oceanário de Lisboa e pela Fundação Oceano Azul. O “Whale Tales Project” teve início em janeiro de 2019 e tem a duração de 3 anos. O principal objetivo deste projeto é aumentar o conhecimento científico sobre o cachalote, nomeadamente, de que forma utiliza os mares da Madeira e qual a sua condição fisiológica. A metodologia aplicada é multidisciplinar e inovadora, pois combina a ecologia espacial, a ecofisiologia e a ecotoxicologia. Uma componente importante do projeto inclui também a dinamização de ações que levem à promoção de comportamentos e atitudes positivas em prol da conservação desta espécie e do oceano em geral.

O embaixador dos oceanos nos mares da Madeira em exposição no Porto Moniz
Entre 21 de agosto e 17 de setembro, a exposição itinerante de fotografia 'Cachalote – O embaixador dos oceanos nos mares da Madeira' pode ser visitada no Centro Multiusos do Porto Moniz. Através de 19 fotografias é retratada a presença do cachalote (Physeter macrocephalus) nos mares da Madeira. A exposição inclui fotografias captadas por investigadores do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, polo da Madeira, OOM - Observatório Oceânico da Madeira e de empresas marítimo-turísticas. O cachalote é atualmente considerado uma espécie vulnerável sendo, por isso, alvo de ações de conservação. O objetivo da exposição é precisamente dar a conhecer esta espécie e consciencializar sobre a sua vulnerabilidade. A exposição foi concebida no âmbito do “Whale Tales Project”, um projeto financiado pelo FUNDO para a Conservação dos Oceanos, criado pelo Oceanário de Lisboa e pela Fundação Oceano Azul. O “Whale Tales Project” teve início em janeiro de 2019 e tem a duração de 3 anos. O principal objetivo deste projeto é aumentar o conhecimento científico sobre o cachalote, nomeadamente, de que forma utiliza os mares da Madeira e qual a sua condição fisiológica. A metodologia aplicada é multidisciplinar e inovadora, pois combina a ecologia espacial, a ecofisiologia e a ecotoxicologia. Uma componente importante do projeto inclui também a dinamização de ações que levem à promoção de comportamentos e atitudes positivas em prol da conservação desta espécie e do oceano em geral.