Pai com doença sexualmente transmissível abusa da filha de oito anos em Gaia

O Ministério Público deduziu acusação contra um homem de Vila Nova de Gaia por abusar sexualmente da filha de oito anos, noticia o Correio da Manhã, citando anúncio da Procuradoria Distrital do Porto, que assinala que o arguido sabia ser portador...

Pai com doença sexualmente transmissível abusa da filha de oito anos em Gaia
O Ministério Público deduziu acusação contra um homem de Vila Nova de Gaia por abusar sexualmente da filha de oito anos, noticia o Correio da Manhã, citando anúncio da Procuradoria Distrital do Porto, que assinala que o arguido sabia ser portador de doença sexualmente transmissível. De acordo com o CM, a criança estava entregue aos cuidados de familiares, mas continuava a visitar o pai na sua casa, localizada em Vila Nova de Gaia. O homem, de 29 anos, aproveitou esses momentos para cometer os crimes sexuais. Segundo um comunicado da Procuradoria-Geral Distrital do Porto, citado pela mesma fonte, o suspeito atacou a menina três vezes, isto apesar de saber que à data dos factos era portador de uma doença sexualmente transmissível e que podia infetar a criança. O arguido foi formalmente acusado pelo Ministério Público de Vila Nova de Gaia e responde por três crimes de abuso sexual de crianças na forma agravada. O pai da menina, que estava desempregado, foi denunciado por familiares, que relataram os factos à PJ do Porto, tendo sido rapidamente detido e presente a tribunal.