Paulo Cafôfo defende plano de combate à pobreza e quer resolver carências habitacionais

O candidato do Partido Socialista-Madeira a presidente do Governo Regional esteve, na tarde desta terça-feira, no bairro da Nogueira, na Camacha, onde contactou com a população local, tendo ouvido os seus anseios e preocupações e dado conta...

Paulo Cafôfo defende plano de combate à pobreza e quer resolver carências habitacionais
O candidato do Partido Socialista-Madeira a presidente do Governo Regional esteve, na tarde desta terça-feira, no bairro da Nogueira, na Camacha, onde contactou com a população local, tendo ouvido os seus anseios e preocupações e dado conta das propostas que constam do programa do PS, no âmbito das eleições legislativas regionais do próximo dia 22 deste mês. Na ocasião, e após ter constatado a realidade local, Paulo Cafôfo fez questão de vincar o seu compromisso de resolver as carências habitacionais na Região, tema que, aliás, já assumiu como uma das prioridades de um governo regional do PS. O cabeça-de-lista às eleições regionais destacou a necessidade de construir nova habitação social na Região, bem como o intuito de criar programas de apoio às rendas para as famílias de fracos recursos e, ainda, a recuperação de habitações degradadas. Isto, porque, tal como sustentou, uma habitação digna é um direito que tem de ser garantido a todas as pessoas. Por outro lado, Paulo Cafôfo mostrou-se preocupado com o facto de a Madeira ser uma das regiões do país com mais alta taxa de risco de pobreza, considerando, por isso, ser fundamental agir no sentido de combater esta realidade. O candidato do PS à presidência do Governo Regional defende a necessidade de um plano de intervenção e combate à pobreza e exclusão social, intervindo no sentido de combater as desigualdades sociais e promover uma maior justiça social. Na ótica de Paulo Cafôfo, esta ação terá de passar pela capacitação das pessoas, para que estas possam autogovernar-se, e não termos apenas um regime assistencialista. A aposta na promoção do emprego, na qualificação e na habitação será, segundo o candidato socialista, fundamental para garantir condições de vida dignas para a população.