PCP quer que Governo Regional garanta a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores

O PCP leva ao plenário madeirense um projeto de resolução que visa o setor de hotelaria e turismo e a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores.  Ricardo Lume, deputado comunista, acusa grupos económicos que “nos últimos anos tiveram grandes lucros” e agora “estão a passar a crise provocada pela pandemia para os trabalhadores”.  Lume acha inadmissível que “empresas que receberam apoios para manter os postos de trabalho estejam agora a despedir”, condenando ainda, e contestando, anúncios “de lay off para um período de um ano, quando isso é ilegal pois a lay off só pode ser mês a mês”.  O projeto agora apresentado, de uma forma generalizada, pretende que “o Governo Regional garanta a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores em tempo de pandemia”.

PCP quer que Governo Regional garanta a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores
O PCP leva ao plenário madeirense um projeto de resolução que visa o setor de hotelaria e turismo e a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores.  Ricardo Lume, deputado comunista, acusa grupos económicos que “nos últimos anos tiveram grandes lucros” e agora “estão a passar a crise provocada pela pandemia para os trabalhadores”.  Lume acha inadmissível que “empresas que receberam apoios para manter os postos de trabalho estejam agora a despedir”, condenando ainda, e contestando, anúncios “de lay off para um período de um ano, quando isso é ilegal pois a lay off só pode ser mês a mês”.  O projeto agora apresentado, de uma forma generalizada, pretende que “o Governo Regional garanta a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores em tempo de pandemia”.