Pelo menos seis mortos após queda de avião na RDCongo

Pelo menos seis pessoas morreram hoje após a queda de um avião sobre um bairro da cidade de Goma, no leste da República Democrática do Congo (RDCongo), informaram a companhia aérea e autoridades locais. "Seis corpos acabaram de ser retirados...

Pelo menos seis mortos após queda de avião na RDCongo
Pelo menos seis pessoas morreram hoje após a queda de um avião sobre um bairro da cidade de Goma, no leste da República Democrática do Congo (RDCongo), informaram a companhia aérea e autoridades locais. "Seis corpos acabaram de ser retirados e as equipas de socorro continuam a procurar" pessoas no local do acidente, disse o autarca de Goma, Timothée Muissa Kiesse, a um jornalista da agência de notícias AFP. Um funcionário do aeroporto de Goma, Richard Mangolopa, disse que não haverá sobreviventes entre as 19 pessoas que estavam a bordo do avião. "Havia 17 passageiros a bordo e dois tripulantes e o avião teria descolado por volta das 09:00/09:10, horário local (07:00/07:10 em Lisboa)", disse à AFP Héritier Said Mamadou, responsável pelas reservas da empresa. O avião privado, que pertencia à empresa congolesa Busy Bee, caiu após a descolagem sobre um bairro densamente povoado da cidade de Goma. A pequena aeronave do tipo Dornier tinha como destino a cidade de Beni, que fica a 350 quilómetros ao norte de Goma, de acordo com um funcionário da empresa aérea. A administração da companhia aérea aguarda os resultados de uma análise técnica realizada por uma equipa de campo. A Busy Bee é uma empresa recente que possui três aeronaves para as regiões de Beni e Butembo, na província do Kivu do Norte.