Piloto morre em acidente de helicóptero em Valongo

O piloto era o único tripulante do helicóptero que caiu hoje em Sobrado, no concelho de Valongo, durante o combate a um incêndio, disse à Lusa o comandante distrital da proteção civil do Porto. Está confirmada a morte do piloto, Noel Ferreira. ...

Piloto morre em acidente de helicóptero em Valongo
O piloto era o único tripulante do helicóptero que caiu hoje em Sobrado, no concelho de Valongo, durante o combate a um incêndio, disse à Lusa o comandante distrital da proteção civil do Porto. Está confirmada a morte do piloto, Noel Ferreira.  O helicóptero estava ao serviço da Afocelca, um agrupamento complementar de empresas ligado às celuloses que possui uma estrutura profissional que tem por missão apoiar o combate aos incêndios nas propriedades dos grupos Navigator e Altri e nas zonas limítrofes. O helicóptero, apesar de não estar ao serviço da Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil, integra o dispositivo de combate aos incêndios rurais. De acordo com a mesma fonte dos Bombeiros Voluntários de Valongo, encontra-se no local uma equipa dos bombeiros, duas ambulâncias e vários veículos. O piloto era o único tripulante do helicóptero, disse à Lusa o comandante distrital da protecção civil do Porto. “A brigada de operacionais de combate a incêndio estaria fora do helicóptero, teriam ficado em solo”, adiantou Carlos Alves. O alerta para o incêndio foi dado pelas 16h05. Pelas 16h45, no combate às chamas estavam 47 operacionais, apoiados por dez viaturas e duas aeronaves.